Notícias

SIPROCIMG reúne-se no SENAI Paulo de Tarso

Grupo debate negociação coletiva, Minascon, entre outros temas

O Sindicato das Indústrias de Produtos de Cimento do Estado de Minas Gerais (SIPROCIMG) reuniu-se em 8/08, na unidade SENAI Paulo de Tarso, em Belo Horizonte. Foram discutidos, sob a liderança do presidente Lúcio Silva, temas relevantes para o setor, como negociação coletiva, a próxima feira da indústria da construção em Uberlândia e participação no Conselho Municipal de Política Urbana. Antes do debate, porém, o gerente da unidade, Miguel Saraiva, falou sobre as instalações e os serviços disponíveis. “Contamos com espaços para eventos, serviços técnicos de inovação, cursos técnicos e de qualificação. Temos que preparar os funcionários durante a crise porque, depois que ela passa, não há mais tempo”, disse. 

O segundo diretor administrativo do SIPROCIMG, Romero Fabel, iniciou o encontro falando sobre o Conselho Municipal de Política Urbana (Compur). Ele explicou que se trata de uma instância do poder da cidade em que cidadãos podem participar e opinar. E com isso, talvez, ter alguma influência nas decisões que trazem mudanças para Belo Horizonte. Fabel incentivou a participação de representantes do sindicato no conselho. Lúcio Silva sugeriu que se proponha a discussão sobre IPTU. “Podemos questionar as diferenças de valor das taxas do IPTU. Temos que aproveitar essa oportunidade de tentar mudar isso”, disse Silva. 

A realização do Minascon (maior encontro unificado da cadeia produtiva do setor de construção de Minas), de 11 a 13 de setembro, também estava na pauta. É a primeira vez que o evento acontece fora de Belo Horizonte. Estão programadas palestras de personalidades nacionais e estrangeiras do setor.  São esperados cerca de 10 mil visitantes nos três dias da feira. Lúcio Silva incentivou os empresários a participarem do Minascon. “Lembro que o espaço na feira não tem custo para o associado do Siprocimg. Ele gastará apenas com a montagem do espaço”, ressaltou. 

Lúcio Silva considerou a reunião produtiva. Ele também aprovou que o encontro fosse realizado no SENAI Paulo de Tarso, pois promove uma aproximação dos empresários do setor com a unidade ligada a ele. Silva considera importante o movimento de reunir sindicato, empresas, SENAI e FIEMG. No fim do encontro, o grupo foi conhecer o laboratório da unidade, que faz teste de materiais para o setor de construção. “O laboratório é fora de série. É inadmissível agora que se façam testes fora de Minas”, disse.

IMG_7770.JPG

Últimas notícias

  1. FIEMG e SEBRAE promovem Hackathon Indústria Vale do Aço

    Leia

  2. ACMinas entrega medalhas Barão de Mauá e Juscelino Kubitchek

    Leia

  3. Setores da panificação e supermercadista confiantes na recuperação econômica do país

    Leia

  4. Dono da rede de escolas Chromos faz palestra em almoço da ADCE

    Leia

  5. Indústria apresenta oportunidades de negócios no Brasil a empresários dos Emirados Árabes

    Leia

  6. Fogos de artifício para Festa da Padroeira

    Leia

  7. ABIMAQ celebra oito décadas de atuação em benefício da indústria

    Leia

  8. Empresários do setor metalmecânico do Vale do Aço participam da Missão de Prospecção Comercial

    Leia