Notícias

Seu Ninico inaugura sua entrada no mercado externo

Com assessoria completa do CIN-MG, marca fecha sua primeira venda aos Emirados Árabes

Com o apoio do Centro Internacional de Negócios (CIN-MG) da FIEMG, a empresa mineira Seu Ninico Indústria e Comércio de Alimentos LTDA finalizou sua primeira venda de pão de queijo para um distribuidor nos Emirados Árabes. A entrada da marca no mercado internacional foi inaugurada depois de dois anos de trabalho junto à FIEMG, o que incluiu participação em capacitações, eventos e feiras, e assessoramento completo em todo o processo de internacionalização.“Tivemos o apoio do CIN em todas as etapas, começando pela inserção da cultura exportadora na empresa, passando pelo desenvolvimento de produto e adequação de processos até a viabilização comercial, Certificação de Origem e logística para a exportação”, afirma o diretor da empresa, Guilherme Moreira de Carvalho Lima.

De acordo com Lima, a internacionalização é uma decisão estratégica, que está na raiz da empresa. “A Seu Ninico nasceu com a missão de levar ao mundo o verdadeiro pão de queijo”, salienta. Para isso, entretanto, teve que superar desafios. “Uma das grandes barreiras das pequenas empresas é o acesso a recursos para obtenção de informações sobre o país de destino, desde a legislação até padrões de consumo e idioma do mercado”, avalia Lima.

Vencidas essas dificuldades e garantida a entrada no mercado dos Emirados Árabes, a Seu Ninico, agora, já tem negociações em andamento para vendas aos Estados Unidos e Portugal.

 

Últimas notícias

  1. Um passaporte perdido e uma medalha de ouro

    Leia

  2. Ministro debate Reforma da Previdência na FIEMG

    Leia

  3. FIEMG recebe Ministro da Secretaria de Governo

    Leia

  4. FIEMG prepara participação no Fórum Mundial da Água 2018

    Leia

  5. Museu de Artes e Ofícios oferece programação de férias

    Leia

  6. Campanha da FIEMG alerta para importância da contribuição sindical

    Leia

  7. Instituto de Alimentos e Bebidas do CIT SENAI FIEMG fará análises do queijo Canastra

    Leia

  8. Pequenas empresas e startups participarão da recuperação do Rio Doce

    Leia