Notícias

SINDIMOV-MG celebra reconhecimento da RMBH como polo moveleiro

Evento foi realizado no Museu de Artes e Ofícios e reuniu lideranças do setor e do governo estadual

O Sindicato das Indústrias do Mobiliário e Artefatos de Madeira no Estado de Minas Gerais (SINDIMOV-MG), empresários e lojistas do setor comemoraram em 28/11 o reconhecimento pelo governo do estado da RMBH  como polo moveleiro. O evento aconteceu no Museu de Artes e Ofícios (MAO), região central de Belo Horizonte, e reuniu lideranças do segmento e autoridades. Antes da solenidade, o grupo fez uma visita guiada pela área de marcenaria do MAO e assistiu a uma palestra do economista da FIEMG, Paulo Casaca.

A presidente do SINDIMOV-MG, Iara Gomes Abade, em seu discurso, lembrou que o trabalho dos dirigentes do sindicato sempre foi voluntário. E foi através dessa dedicação que a entidade alcançou seus êxitos. Ela agradeceu também a parceria do Sebrae e da FIEMG na busca pelo aumento da competitividade do setor através da capacitação de mão de obra e da adoção de novas tecnologias. “Se há algum mérito meu, foi o de dar visibilidade às iniciativas daqueles que me precederam. Celebramos hoje um momento histórico para o setor moveleiro”, disse Iara Abade.

O secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico de Belo Horizonte, Bruno Miranda, representou o prefeito Alexandre Kalil. Ele disse que Kalil está empenhado na construção dessa parceria entre o poder público e o privado para incentivar o desenvolvimento do polo moveleiro da RMBH. “Queremos juntar esforços para melhorar o ambiente de negócios na cidade. Conseguimos identificar diversos gargalos e ouvimos vários empresários. Acreditamos que em um breve espaço de tempo tenhamos um cenário mais propício”, previu.

Representando o governador Fernando Pimentel, o secretário extraordinário de Desenvolvimento Integrado e Fóruns Regionais, Wadson Ribeiro, disse considerar o ato de reconhecimento simbolicamente importante. Ele avaliou que o Brasil tem um grande desafio, e que ele passa necessariamente pela retomada do desenvolvimento da indústria. “Nossa expectativa é que, com esse reconhecimento, possamos ajudar a revitalizar o setor moveleiro de Minas”, disse.

O setor moveleiro da RMBH é formada por cerca de 500 empresas instaladas em 34 municípios, que geram quase 37 mil postos de trabalho.

Últimas notícias

  1. Museu de Artes e Ofícios celebra o aniversário de BH

    Leia

  2. SESI MG promoveu atrações na FNA

    Leia

  3. Cia. Caititu em “Calango deu! Os causos da Donazaninha”

    Leia

  4. Mais desenvolvimento para Cataguases

    Leia

  5. Conselho de Assuntos Metropolitanos se reúne na FIEMG

    Leia

  6. As melhores práticas de liderança

    Leia

  7. Palcos para grandes espetáculos

    Leia

  8. Alunos de processamento de carnes concluem curso

    Leia