Notícias

CRER é ação de força e fé

Romaria de Caeté (MG) a Aparecida (SP) vai inaugurar o Caminho Religioso da Estrada Real

Com o objetivo de fortalecer o turismo religioso no estado, o Caminho Religioso da Estrada Real (CRER), teve seu lançamento anunciado em entrevista coletiva realizada em 9/8, na sede do BDMG, em Belo Horizonte. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais, em parceria com o Instituto Estrada Real (IER), e inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, o CRER será a maior rota de turismo religioso do Brasil, ligando o Santuário Estadual Nossa Senhora da Piedade, localizado em Caeté (MG), ao Santuário Nacional de Aparecida, em Aparecida (SP), passando por 32 municípios mineiros e seis paulistas, num percurso de mais de mil quilômetros. “Vale ressaltar que desde o período colonial, Minas Gerais sempre deu grande valor ao turismo religioso. Estamos trabalhando para que o setor continue crescendo e atraindo cada vez mais turistas para Minas Gerais”,  disse o secretário de Estado de Turismo de Minas Gerais, Ricardo Faria.

A ideia surgiu em 2001 quando dois caminhantes, com apoio do Instituto Estrada Real (IER) e da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG), percorreram, em 36 dias, toda a Estrada Real, identificando as principais necessidades para sua consolidação. Entre 2002 e 2004, depois de rigoroso levantamento e demarcação, foram fixados os marcos sinalizadores. O trajeto pode ser percorrido a pé, de bicicleta, a cavalo ou 4x4 off road. É uma opção de turismo e peregrinação com prestação de serviços qualificados para atender os visitantes/peregrinos em uma única viagem ou por etapas, conforme a disponibilidade. “O turista pode iniciar a rota de qualquer ponto e percorrer os trechos que desejar, não sendo obrigatório realizar todo o caminho de uma só vez”, explica Eberhard Hans Aichinger, representante da Sacrum Brasilidades, empresa gestora do CRER.

CRER será aberto oficialmente com a Romaria 550 que, no dia 3 de setembro, partirá do Santuário da Piedade, chegando com os demais participantes (cavaleiros, ciclistas e pilotos de off-road), no dia 9 de outubro, ao Santuário Nacional de Aparecida, onde será celebrada missa solene em recepção aos romeiros e ao reconhecimento do CRER. A Romaria 550 comemora também os 250 anos de peregrinação ao Santuário Nossa Senhora da Piedade, padroeira de Minas Gerais, e os 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora Aparecida, protetora do Brasil.

Em Minas Gerais, o trajeto está todo sinalizado para que o peregrino possa se orientar com segurança. Totens instalados em locais estratégicos indicam as direções e placas indicativas apresentam o mapa geral do caminho, mostrando os municípios do percurso. Nos últimos anos, as estruturas físicas foram implantadas pela Setur-MG totalizando a instalação de 22 quiosques, 38 paraciclos, uma escada de acesso, três passarelas, 64 placas informativas, 1.771 totens indicativos, 119 placas de advertência para os motoristas e reparação de uma cabeceira de ponte e uma pinguela.

Galeria

Últimas notícias

  1. Inscrições para o Rota Global estão abertas

    Leia

  2. Largada da última etapa do Circuito SESI de Corrida de Rua será em Contagem, RMBH

    Leia

  3. Última semana de inscrições para o FIEMG Lab Acelera Mestrado e Doutorado

    Leia

  4. Mediação na solução de conflitos

    Leia

  5. Celso Afonso toma posse da presidência do Sindibolsas

    Leia

  6. Falta de confiança do empresariado mineiro persiste em agosto

    Leia

  7. "A Tropa", estrelada por Otávio Augusto do alto de seus 50 anos de carreira

    Leia

  8. CNI lança publicação sobre Modernização Trabalhista

    Leia