Notícias

Ações culturais marcam as comemorações da Semana da Indústria

A partir de 20 de maio, SESI Museu de Artes e Ofícios recebe várias atrações culturais em comemoração ao Dia da Indústria

Kelvin Martins

A cultura não poderia ficar de fora das comemorações da Semana da Indústria. O Sistema FIEMG preparou uma programação cultural repleta de atrações para a data. Entre os dias 20 e 24/05, várias ações têm como palco o SESI Museu de Artes de Ofícios (MAO) levando para o público muita história, conhecimento e música de qualidade gratuitamente.

No dia 20, primeiro dia de atrações da Semana da Indústria, quem se apresenta é o Clube do Choro, na sacada do MAO, às 19h30. Também a partir do mesmo dia, as visitas mediadas ao Museu terão como foco a “Trilha da Indústria”, a ação prossegue até o dia 28/05.

No dia seguinte, é a vez da banda Cintura Fina se apresentar durante o projeto “Domingo com Arte no Museu”, às 11 da manhã. Já no dia 23, a Orquestra Jovem do SESI faz uma apresentação especial. O grupo clássico se apresenta na plataforma da Estação Central do Metrô, às 16h30.

A partir de 25 de maio, o público do Museu também poderá visitar a Exposição “Cadeiras Contam Histórias — Do Design da Marcenaria Portuguesa à Produção Industrial Brasileira”. Ela estará aberta para visitação no MAO até o dia 31/7.

 

Semana da Indústria 2017

Clube do Choro 

Data: 20/5, 19h30

Local: Sacada do Museu de Artes e Ofícios

Cavaquinho.jpg

 

Domingo com Arte no Museu (apresentação da Banda Cintura Fina) 

Data: 21/5, 11h

Local: Museu de Artes e Ofícios (público no Hall)

 

Orquestra Jovem 

Data: 23/5, 16h30

Local: plataforma do Metrô, na Estação Central

123.jpg 

Abertura da Exposição “Cadeiras Contam Histórias — Do Design da Marcenaria Portuguesa à Produção Industrial Brasileira” 

Visitação: 25/5 à 31/7.

Local: Museu de Artes e Ofícios

 

Visitas mediadas com foco na “Trilha da Indústria” do Museu de Artes e Ofícios 

Local: Museu de Artes e Ofícios

Data: 20/5 à 28/5

 Itauna-01.jpg


Museu de Artes e Ofícios

Sistema FIEMG, por meio do SESI MG, administra o Museu de Artes e Ofícios desde julho de 2016, quando se tornou parceiro do ICFG e da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), contando com o apoio da Prefeitura de Belo Horizonte. Localizado na Praça da Estação, no centro de Belo Horizonte, o MAO conta a história de dezenas de atividades profissionais que deram origem à indústria de transformação em Minas Gerais.

São 2,5 mil peças originais dos séculos XVIII ao XX, entre instrumentos, utensílios, ferramentas, máquinas e equipamentos. Elas representam antigos ofícios em setores tradicionais como a mineração, lapidação e ourivesaria, alimentício, tecelagem, energia e curtumes. O acervo é tombado pelo Instituto do Patrimônio Cultural e Artístico Nacional (Iphan). 

Últimas notícias

  1. Câmara Portuguesa de Minas Gerais homenageia executivo da EBC

    Leia

  2. Índice de Atividade da Construção Mineira supera média histórica

    Leia

  3. Boas perspectivas para empresas mineiras na Alemanha

    Leia

  4. Empresários mineiros da panificação marcam presença em convenção da ABIP no ES

    Leia

  5. FIEMG apoia lançamento da Câmara de Comércio Belgo-Luxemburguesa em Belo Horizonte

    Leia

  6. Nova diretoria do SIPROCIMG toma posse em evento na FIEMG

    Leia

  7. Evento no P7 Criativo mostra que empresas não devem impor regras às startups

    Leia

  8. FIEMG abraça Campanha de Associativismo 2017

    Leia