Notícias

Encontro de Contadores com Empresários aborda Alterações no Simples Nacional

Palestrante orientou participantes para as decisões para o negócio

As alterações no Simples Nacional e os impactos para os negócios foram a tônica do Encontro de Contadores com Empresários Mineiros, realizado, recentemente, pelo Sistema FIEMG, pelo Sinduscon (Sindicato da Indústria da Construção Civil), pelo Sindivest (Sindicato Intermunicipal das Indústrias do Vestuário do Alto Paranaíba) e pelo Sindimetal (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico). O evento contou ainda com a parceria da FECON (Federação dos Contadores), do CRC MG (Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais), do SindCont (Sindicato dos Contabilistas de Patos de Minas e do Sebrae.

A palestra foi ministrada pelo mestre em Administração, contador Adilson Torres. Ele apresentou as alterações que aconteceram na legislação do Simples Nacional, que já entraram em vigor e as que começam a ser cobradas a partir de 2018. Segundo ele, aconteceram alterações nas tabelas e em fórmulas de cálculo. “Dependendo do enquadramento da empresa, poderá haver um aumento no valor a ser pago e, por isso, é importante que o empresário esteja sempre atualizado quanto a estas alterações para a tomada de decisão. É fundamental que o contador, também, avalie, junto ao proprietário da empresa, a melhor alternativa de enquadramento com menor encargo tributário”, orientou. De acordo com ele, o contador é estratégico dentro do negócio e tem que entender os processos dentro da empresa para que ele possa auxiliar o empresário.

Ele falou ainda sobre as figuras do Investidor Anjo (forma de captação de recursos) e da Empresa Simples de Crédito, além de cuidados referentes à fiscalização por parte da Receita Federal e com relação à forma de remuneração do empresário, seja por Pró-Labore ou Lucro Distribuído.

O presidente do Sinduscon, José Carlos Borges dos Reis destacou que a importância dos conhecimentos transmitidos fundamentais para a sustentabilidade dos negócios. “A atuação dos contadores é imprescindível para que o empresário consiga cumprir suas obrigações tributárias, dentro da legalidade, pagando o menor valor, considerando-se o atual cenário econômico”, acrescentou.

O diretor financeiro do SindCont, Antônio Jacinto Rosa Severino e o conselheiro do CRC, Nelson Canedo de Magalhães enfatizaram a necessidade de constantes atualizações por parte dos profissionais, para que consigam atender os empresários dentro dos prazos e compromissos estabelecidos pelas diversas legislações. Eles repassaram que há uma agenda de eventos já prevista até o fim do ano para a atualização profissional.

Galeria