Notícias

Encontro debate Recursos Humanos e Seguridade Social

Evento fez parte da programação do Ciclo Profissional da Indústria e Comércio

O terceiro evento do Ciclo Profissional da Indústria e Comércio abordou o Planejamento de Recursos Humanos e Aspectos Relevantes da Seguridade Social. Ele aconteceu na sede da Fiemg Regional Alto Paranaíba e atraiu empresários e profissionais de Recursos Humanos e de Departamento de Pessoal de indústrias da região.

O assunto “Planejamento de Recursos Humanos – Novas Realidades” foi abordado pela psicóloga Graziela Alves, especialista em Gestão de Pessoas, mestre em Administração e coach pelo ICC. Segundo ela, as organizações hoje estão mais enxutas, com pressão por resultados, por inovação, por integrar processos, por ser coerente e por atender todas as demandas dos clientes. Isso, por consequência exige uma atuação mais decisiva dos profissionais de Recursos Humanos, contribuindo para a tomada de decisões dentro das empresas. Isso tem feito com que o profissional desempenhe diversos papéis como parceiro estratégico, agente de mudanças, especialista administrativo e defensor dos funcionários.

Graziela enfatizou que a cada momento, é exigida uma atuação mais complexa e por isso, é fundamental que haja um planejamento bem estruturado das ações de RH, que contemple os múltiplos papéis e que, nesse planejamento, sejam definidos indicadores, com a mensuração de resultados. “Para garantir que os processos funcionem bem é integrados sistematicamente, é preciso avalia-los, monitorá-los e auditá-los, continuamente”, acrescentou.

O segundo tema “Aspectos Relevantes da Seguridade Social” foi apresentado pelo médico perito previdenciário da Gerência Executiva do INSS, em Patos de Minas, Carlos Moreira. Ele fez um resgate histórico do surgimento do INSS no país e concentrou a palestra nos temas: auxílio-doença; auxílio-acidente e reabilitação profissional.

Ele repassou informações sobre prazos e procedimentos que devem ser adotados para a solicitação desses benefícios. O médico perito citou exemplos e esclareceu dúvidas de preenchimento de formulários e as consequências para o empregado e para o empregador quando os processos não são feitos dentro dos prazos estabelecidos. Carlos Moreira salientou ainda que, em caso de acidentes com sequelas, busca-se a reabilitação profissional com o retorno do empregado às funções ou adequação para desempenhar novas funções.

O Ciclo Profissional da Indústria e Comércio é uma realização conjunta da Fiemg Regional Alto Paranaíba e da Acipatos (Associação Comercial e Industrial), com o patrocínio exclusivo do Sicoob Credicopa e prevê realizar, durante o ano, 13 eventos nas trilhas: Gestão de Recursos Humanos, Gestão de Relações Trabalhistas, Gestão de Logística e Gestão Financeira.

Galeria