Notícias

SESI Divinópolis é aprovado no Edital de Inovação da Indústria

Único aprovado na categoria D em Minas Gerais é um dos três projetos aprovados no Brasil

O Serviço Social da Indústria (SESI), Unidade Divinópolis participou do Edital de Inovação para a Indústria, criado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e SESI. O Edital é uma iniciativa de fomento para novos produtos, processos e serviços inovadores da indústria nacional e de sua cadeia produtiva.

O projeto do SESI Divinópolis foi desenvolvido pelos profissionais Luana Azevedo e Luan Lopes, em parceria com a Prefaz - Pré-Fabricados de Concretos e recebeu aprovação no último dia 03 de Outubro. O programa contará com o apoio do Serviço de Ergonomia da unidade SESI Divinópolis e do Centro de Referência em Ergonomia (CRER) do Sistema FIEMG. 

A idealização do projeto se deu em fevereiro deste ano a partir de uma situação/problema e competiu com o Projeto “Ergonomic Concrete Car”, na categoria D do Edital, que trata de Inovação em Segurança e Saúde no trabalho (SST) e Promoção da Saúde (PS).

De acordo com a Gerente do SESI Divinópolis, Jânua Coeli Nogueria, o “Ergonomic Concrete Car” é um projeto que pode revolucionar as empresas do segmento, otimizando o processo de concretagem de postes, eliminando os riscos ergonômicos, mecânicos (acidentes) e aumentando a produtividade. “Todos os envolvidos comemoraram muito a aprovação e o SESI segue cumprindo o seu papel de fortalecimento da indústria, proporcionando apoio à inovação deste segmento industrial”, enfatizou.

O projeto/solução foi submetido ao Edital de Inovação em março,  sendo qualificado em agosto e, após passar por todas as fases e avaliações de especialistas, o projeto foi o único aprovado na categoria D em Minas Gerais. No Brasil, apenas 3 projetos foram aprovados.

Para o Presidente da FIEMG Regional Centro-Oeste, o projeto promove o aumento da competitividade e da produtividade industrial através da inovação tecnológica com soluções inovadoras para a segurança e saúde na indústria. “Inovar é fundamental para a competitividade da indústria brasileira”, finalizou.

Empresas de qualquer porte podem inscrever nas seis categorias do Edital em dois ciclos. No total, R$ 53,6 milhões em aportes serão disponibilizados.