Notícia

‘O Espírito do Natal’ encerra comemoração de 35 anos da Orquestra SESIMINAS

Concerto, com ingressos entre R$ 10,00 e R$ 20,00, será no dia 22/12, às 20h30, no Teatro SESIMINAS

No dia 22 de dezembro, quarta-feira, a Orquestra SESIMINAS fecha a comemoração dos 35 anos de história com o concerto “O Espírito do Natal”, que traz temas natalinos, além de obras que remetem ao espírito de alegria e renovação desta festa mundial. A regência e direção artística são de Felipe Magalhães. Duração: cerca de 60 minutos.

“Depois de mais um ano extremamente complicado para todos nós, nada como o espírito do Natal, para renovar nossas energias e nossa esperança de que o mundo está caminhando para momentos bem melhores. O repertório não se restringe a músicas de Natal propriamente ditas, mas a obras que, por um ou outro motivo, nos remetem ao espírito do Natal”, comenta o maestro e diretor artístico Felipe Magalhães.

O Concerto abre com dois temas de filmes: Era uma vez na América, do gênio italiano Ennio Morricone, e O Vestido, do mineiro de Divinópolis Túlio Mourão. Na sequência teremos dois compositores de países gelados: do finlandês Jean Sibelius, a Orquestra executa o Andante Festivo, e do russo Tchaikovisky, a valsa de sua Serenata para Cordas.

A música brasileira será comtemplada com o célebre Carinhoso, de Pixinguinha, e a Suíte Chico Buarque, criada pelo maestro e arranjador Marcelo Ramos, sobre temas consagrados desse gênio da canção brasileira.

A partir daí, a Orquestra entra no ambiente da música natalina, primeiro através de Jesus Alegria dos Homens, do alemão J. S. Bach, e, na sequência, com temas verdadeiramente natalinos: Adeste Fideles (canção natalina tradicional), Boas Festas (de Assis Valente) e Noite Feliz (de Franz Gruber).

PROGRAMA DO CONCERTO
Título: O Espírito do Natal

ERA UMA VEZ NA AMÉRICA / Ennio Morricone
TEMA DO FILME “O VESTIDO” / Túlio Mourão
ANDANTE FESTIVO / J. Sibelius
VALSA, DA SERENATA PARA CORDAS / Tchaikovisky
CARINHOSO / Pixinguinha
SUÍTE CHICO BUARQUE / Temas de Chico Buarque, arr: Marcelo Ramos
JESUS ALEGRIA DOS HOMENS / J. S. Bach
ADESTE FIDELES / anônimo
BOAS FESTAS / Assis Valente
NOITE FELIZ / Franz Gruber

Serviço
Orquestra SESIMINAS apresenta “O Espírito do Natal”
22 de dezembro, quarta, 20h30 – no Teatro SESIMINAS
Ingressos entre R$ 10,00 e R$ 20,00 à venda pelo Sympla (clique aqui) ou na bilheteria do Teatro

ORQUESTRA SESIMINAS

Por iniciativa pioneira de Nansen Araújo, presidente da FIEMG à época, nasce em 1986 a Orquestra de Câmara SESIMINAS, com o objetivo maior de garantir ao trabalhador da indústria mineira e a seus dependentes o acesso à música orquestral de qualidade. Sob a direção artística do Maestro Marco Antônio Maia Drumond, a Orquestra sempre prezou, desde o início, pela qualidade técnica de seus músicos.

Junto a essa preocupação técnica, empreendeu-se um incansável trabalho de formação de público dentro de indústrias e escolas, através de concertos de caráter didático e concertos comentados, com uma escolha de repertório cuidadosamente feita no sentido de aproximar o público à música orquestral de câmara.

O alto nível técnico, aliado à preocupação na aproximação com o público, fizeram da Orquestra SESIMINAS um dos grupos mais versáteis do país, atuando de maneira efetiva tanto no âmbito da música erudita, quanto popular. A excelência e seriedade profissional do grupo, sempre comandado pelo Maestro Marco Antônio Maia Drumond, foram ressaltadas pelo maestro Edino Krieger, os violinistas Cláudio Cruz e Paulo Bosísio, o violoncelista Antonio Meneses e o pianista Nelson Freire.

O sucesso e o respeito conquistados no âmbito da música erudita levaram à criação, em 2016, da Série de Concertos Sempre às Quartas. Por ela, passaram os mais renomados músicos brasileiros, como Antônio Meneses, Arthur Moreira Lima, duo Assad, João Carlos Martins entre outros. Também não faltaram estrelas internacionais como o harpista Sacha Boldachev e o saxofonista Sergey Kolosov (ambos russos) o pianista ítalo-francês Gabriel Gorog, o regente polonês Jaroslaw Lipke e o Trio coreano Kim.

SC001821_Sesi-Cultura-Natal_Emkt_Final_K.jpg

No campo popular, a Orquestra SESIMINAS atuou ao lado de Milton Nascimento, Diogo Nogueira, Vander Lee, Maria Gadu, Skank, Jota Quest, Mônica Salmaso entre outros. Participou de turnês nas principais cidades do Estado com Flávio Venturine e as bandas Skank e Jota Quest.

A Orquestra tem quatro álbuns gravados: Aquarelas (1996), Sortilégios da Lua (1999), Alma Brasileira (2004) e Orquestra de Câmara SESIMINAS e Jota Quest ao vivo (2015). Por essa longa trajetória de sucesso, a Orquestra SESIMINAS é hoje o mais tradicional grupo orquestral de câmara de Minas Gerais, e um dos mais importantes e respeitados do país, sempre aliando versatilidade a excelência artística.

FELIPE MAGALHÃES - maestro

Felipe Magalhães iniciou seus estudos de piano aos 9 anos de idade, na Fundação de Educação Artística, em Belo Horizonte. Lá estudou também percepção musical, solfejo e contraponto. Em 2008 graduou-se bacharel em regência pela Universidade Federal de Minas Gerais.

Em 2009, transferiu-se para a França, onde obteve, em 2011, o “Diploma Superior de Regência Orquestral” da École Normale de Musique de Paris, sob direção de Dominique Rouits e Julien Masmondet. Foi agraciado com a bolsa de estudos do Centre International Nadia et Lili Boulanger, instituição francesa que ajuda estudantes, em música, estrangeiros que se destacam no país.

Em seguida, iniciou mestrado em musicologia pela Université Sorbonne Paris IV, obtendo o diploma em 2013 com a menção máxima : “très bien”. Felipe Magalhães foi regente titular do Coral da Escola de Belas Artes da UFMG, do Coral Vozes do Campus e dos Corais Juvenil e Adulto do Instituto Cultural Inhotim, entre outros. Atualmente, Felipe Magalhães é diretor artístico e regente da Orquestra SESIMINAS, do Madrigal Renascentista e do Coral Acordos e Acordes.

Últimas notícias

  1. FIEMG é homenageada na celebração dos 150 anos da pioneira Cedro Têxtil

    Leia

  2. Uma discussão sobre os conceitos V.U.C.A e B.A.N.I

    Leia

  3. SESI-MG se destaca no Robotics International Open Brazil

    Leia

  4. Câmara de Metalurgia, Siderurgia e Mineração se reúne no CIT SENAI

    Leia

  5. Confiança do Empresário Industrial atinge patamar mais alto em um ano

    Leia

  6. Setor de mineração investe em energia renovável para atingir a meta de carbono zero

    Leia

  7. Vem aí a 3ª edição da Mostra de Móveis de Ubá

    Leia

  8. FIEMG debate "Política de Concessão de Benefícios Fiscais - Tratamentos Tributários Setoriais"

    Leia