Notícia

“Se adequar à LGPD é uma demanda legal e competitiva”, afirma Paulo Soares

Confira a entrevista com Paulo Soares, superintendente de Integridade da FIEMG

Em setembro de 2020 entrou em vigor a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), lei brasileira que regulamenta o tratamento de dados pessoais. Além de uma obrigação legal, adequar à lei pode trazer para as organizações um diferencial competitivo, uma vez que a proteção de dados pessoais demonstra uma preocupação com a privacidade de empregados, clientes, fornecedores e parceiros e a transparência no tratamento do dado pessoal estabelece uma relação de confiança com todos os públicos com os quais a organização se relaciona.

Por isso, a gestora e Encarregada da Proteção de Dados pessoais da FIEMG, Ana Paula Brandão destaca a preocupação da FIEMG em apoiar as organizações, em especial as indústrias mineiras, no processo de adequação à LGPD e nos conta que, em parceria com a ICTS Protiviti, disponibilizará, nos próximos dias, a mais completa trilha de conteúdos gratuitos para auxiliar os empresários no caminho para a conformidade: LGPD na prática: do planejamento à execução.

Para que você possa entender a importância da adequação à LGPD, as sanções que podem ocorrer e as vantagens competitivas, conversamos com Paulo Soares, superintendente de Integridade da FIEMG. Confira.

Qual a importância das empresas se adequarem à LGPD? Se adequar é uma demanda legal e competitiva. Toda empresa tem acesso a dados pessoais, sejam dos empregados, dos consumidores ou de parceiros. Cuidar para que estes não se tornem objeto de abusos protege a empresa de penalizações legais, de prejuízos à imagem e a qualifica como parceira confiável de negócios.

Qual tipo de prejuízo as empresas podem ter por não se adequarem à LGPD? Multas e indenizações administrativas e judiciais, danos à imagem e reputação, perda de contratos com outras empresas e consumidores que exigem a adequação, baixa competitividade por não ter boa governança de informações, são alguns exemplos.

Como o produto “LGPD na prática: do planejamento à execução” irá ajudar as empresas no processo de adequação? “LGPD na Prática: do planejamento à execução” oferece uma visão global do uso dos dados e uma trilha passo a passo, universal e fácil de ser entendida, permitindo à empresa, independentemente do tamanho, percorrer todas as etapas de compreensão, maturação, planejamento e implementação da proteção destes dados. Assim, por meio de processos padronizados, a empresa terá a oportunidade de conhecer sua situação real e seus riscos, quais os recursos de que dispõe e quais precisa adquirir, organizar a implementação das alterações necessárias de acordo com as prioridades apuradas e trazer para dentro de sua estrutura os conhecimentos essenciais para se manter adequada daqui em diante.

O que é a abordagem do it yourself? A abordagem do it yourself permite às empresas implementar o processo de adequação à LGPD por meio da adoção de instrumentos de diagnóstico padronizados e de acordo com as boas práticas de mercado, sem necessariamente recorrer à terceiros. A partir de então, a empresa consegue enxergar suas reais necessidades e opções, de maneira que possam alcançar o objetivo, empregando seus recursos da maneira mais eficientes e contratando apenas o que for estritamente necessário.

Portanto, vemos a racionalização do emprego dos recursos internos das empresas, o tempo, dinheiro, equipamentos, sistemas e pessoas, como a prioridade e principal vantagem da deste produto.

Onde e como o produto será disponibilizado? O produto será disponibilizado, semanalmente, em formato on-line e em seis etapas, cobrindo cada ponto a ser alcançado antes que a empresa possa avançar com segurança para a próxima fase. Ao final da trilha, todo conteúdo continuará disponível e permanentemente atualizado e aperfeiçoado, de acordo com a experiencia dos participantes e as inovações do mercado.

O produto é pago? Se sim, qual o valor? O produto em si é inteiramente gratuito. A partir da quarta etapa, as empresas que tenham percorrido a trilha até então poderão, caso julguem necessário e conveniente, ter acesso a consultorias, treinamentos e outros recursos ofertados pelo Centro Industrial e Empresarial de Minas Gerais (CIEMG) e Instituto Euvaldo Lodi (IEL) a preços que variados, conforme a necessidade. Para aquelas empresas que tenham necessidades mais complexas a ICTS Protivitti, nossa parceira na criação e oferecimento desta trilha, poderá atender diretamente e em condições vantajosas a serem negociadas caso a caso.

Para saber mais sobre “LGPD na prática: do planejamento à execução”, CLIQUE AQUI.

Leia tambem: Sua empresa atende a todos os requisitos da LGPD?

Por Denise Lucas

Últimas notícias

  1. SESI São João Nepomuceno firma parceria entre equipe de robótica e indústria para solução inovadora

    Leia

  2. FIEMG recebe membros do Judiciário

    Leia

  3. Autoprodução de energia é tema de capacitação

    Leia

  4. Oficina mecânica e seguradora, uma parceria que precisa dar certo

    Leia

  5. Um ensino de excelência para quem trilha rumo ao futuro

    Leia

  6. CIFTIS China-Brasil debate comércio entre os dois países

    Leia

  7. FIEMG promove debate sobre mudança do clima

    Leia

  8. Por que as empresas e destilarias deveriam investir em tecnologia na produção de cachaça?

    Leia