Notícia

Projeto 'Construindo o Futuro' abre 2ª turma, para jovens de 18 a 22 anos

Objetivo da qualificação, parceria entre FIEMG e RHI Magnesita, é formar para o mercado de trabalho e para o exercício da cidadania

Jovens com idades entre 18 e 22 anos, oriundos de comunidades socialmente vulneráveis, têm a oportunidade de se qualificar profissionalmente, o que faz toda a diferença no fortalecimento da autoestima, da identidade, e lhes permite crescer como pessoas, mais conscientes do seu papel na sociedade. Essas são algumas das conquistas promovidas pelo Projeto Construindo o Futuro, desenvolvido em parceria pela Gerência de Responsabilidade Social e Empresarial da FIEMG e pela RHI Magnesita.

A primeira turma de formandos do projeto, com 30 participantes, conclui o curso em janeiro de 2022, para, em seguida, em fevereiro, ser iniciado o trabalho com um novo grupo, de 28 alunos, que está em fase de seleção.

A capacitação dura em torno de 13 meses, mas pode se estender a até dois anos, segundo conta a analista de Projetos Sociais Alessandra Rigueira. A escolha dos participantes é feita com a ajuda da Casa de Apoio à Criança Carente de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Alessandra Rigueira explica que, a empresa, preocupada com o impacto que pode causar na sociedade onde atua, decidiu usar como ferramentas de transformação o desenvolvimento da juventude e a educação. A qualificação é feito no SENAI, em meio horário – no qual conhecem teoria e prática. No meio horário seguinte, o aprendizado é oferecido na RHI Magnesita.

Poder de transformação

Durante a qualificação, os aprendizes recebem auxílio alimentação, vale-transporte e outros benefícios que possibilitam a participação no projeto. “Ao final do curso, saem com outras habilidades, outras competências, com empoderamento, protagonismo e poder de transformação”, comemora Rigueira.

A analista da FIEMG aponta ainda que tecnologia social usada engloba indicadores que alicerçam a contribuição da RHI Magnesita aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável elencados como prioritários à organização e alinhamento com os programas institucionais de “Jovem Aprendiz”. 

O projeto é dividido nas etapas de acolhimento, psicossocial,

capacitação SENAI, projeto de Vida e mentoria, de forma a  contribuir principalmente para a formação e o desenvolvimento integral dos jovens, preparando-os especialmente para o mercado de trabalho.

Últimas notícias

  1. FIEMG é homenageada na celebração dos 150 anos da pioneira Cedro Têxtil

    Leia

  2. Uma discussão sobre os conceitos V.U.C.A e B.A.N.I

    Leia

  3. SESI-MG se destaca no Robotics International Open Brazil

    Leia

  4. Câmara de Metalurgia, Siderurgia e Mineração se reúne no CIT SENAI

    Leia

  5. Confiança do Empresário Industrial atinge patamar mais alto em um ano

    Leia

  6. Setor de mineração investe em energia renovável para atingir a meta de carbono zero

    Leia

  7. Vem aí a 3ª edição da Mostra de Móveis de Ubá

    Leia

  8. FIEMG debate "Política de Concessão de Benefícios Fiscais - Tratamentos Tributários Setoriais"

    Leia