Notícia

Câmara da Indústria de Metalurgia, Siderurgia e Mineração realiza encontro mensal

Empresários falaram sobre as diretrizes e conheceram soluções para o setor

O presidente da Câmara da Indústria de Metalurgia, Siderurgia e Mineração da FIEMG, Bruno Melo Lima, conduziu o primeiro encontro de 2021 do colegiado, na quarta-feira (24/2). “É uma alegria grande contactar novamente com vocês. Nossas empresas representam um ganho muito grande na economia mineira. Vamos tratar das questões que influenciam nossas atividades. Sabemos que a pandemia tem produzido grandes  catástrofes, tanto no âmbito humano, quanto econômico, causando dificuldades no  espectro empresarial”, pontuou o empresário.

No encontro, foram apresentadas propostas de negócios e os participantes puderam obter informações que posteriormente serão encaminhas à FIEMG. “O presidente Flávio Roscoe está sempre disponível para propor as melhores soluções para nossas atividades e para tornar ambiente de negócios mais harmônico e sustentável”, reforçou Lima.

O secretário executivo da câmara, Marco Túlio Souza, apresentou o plano de diretrizes de trabalho para 2021 e falou sobre a prospecção de fornecedores para usina solar flutuante e de cilindros de oxigênio. “Pensamos em objetivos de curto, médio e longo prazo para gerar negócios e um ambiente de negócios melhor”, contou. Souza falou sobre a proposta de desenvolver um conteúdo digital mostrando a importância do trabalho das indústrias do setor. “Precisamos comunicar isso à sociedade, mostrar como a gente impacta positivamente, gera emprego, receita e desenvolvimento para a sociedade”.

O analista da Gerência de Meio Ambiente da FIEMG, Henrique Damásio, apresentou aos participantes as atualizações sobre a nova Deliberação Normativa COPAM n° 217, que revoga a DN COPAM n°74/2004 do Conselho de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. Já Fausto Varela Cançado, presidente da Câmara da Indústria da Base Florestal da FIEMG, foi convidado para mostrar os processos e principais entraves na obtenção dos licenciamentos florestais para a exploração da atividade de silvicultura.

Cyntia Nara, diretora da Sympol, e Ana Oliveira, da Strategia Worldwide, foram convidadas para falar de suas empresas que prestam serviços na área de biotecnologia e monitoramento de barragens, respectivamente.

camara-metalurgica.jpeg

Últimas notícias

  1. O futuro do trabalho em debate

    Leia

  2. Congresso de Direito Empresarial tem “aula” de ex-ministro da Fazenda

    Leia

  3. Canadá e Minas Gerais: mais oportunidades de negócios

    Leia

  4. Acelerando rumo ao nacional

    Leia

  5. Barão de Cocais terá cursos gratuitos de capacitação

    Leia

  6. Eliane Giardini e Marcos Caruso apresentam comédia romântica em BH

    Leia

  7. Ainda dá tempo de garantir o seu futuro!

    Leia

  8. Programa Residência Industrial forma primeira turma com 33% dos alunos já contratados

    Leia