Notícia

Indústrias com Boas Práticas em Meio Ambiente são reconhecidas na FIEMG

Evento apresentou cases de sucesso de empresas que se destacaram na parceria com a Federação no cuidado com a preservação ambiental em Minas

Sebastião Jacinto Júnior

A Gerência de Meio Ambiente da FIEMG realizou, nesta sexta-feira (03/12), o evento híbrido de reconhecimento de Boas Práticas da Indústria Mineira em Meio Ambiente e Sustentabilidade, com o objetivo de divulgar os resultados dos projetos empenhados pela área neste ano, bem como valorizar empresas que tiveram bons resultados com o apoio técnico e jurídico da Federação em 2021.

Clique aqui para ver a galeria de fotos.

A solenidade de Boas Práticas da Indústria foi conduzida pelo coordenador de Meio Ambiente da FIEMG, João Vítor Souza. A plateia (presencial e virtual) foi composta por empresários e sindicalistas, além de representantes de quatro indústrias reconhecidas pelos cuidados com a preservação ambiental, que apresentaram os cases de sucesso das empresas deles. Veja:

- Boas Práticas em Regularização Ambiental, com o reconhecimento ao frigorífico Tornelli (Sindicato Intermunicipal das Indústrias de Carne e Derivados e do Frio de Minas Gerais - SINDUSCARNE MG) e à cervejaria Prússia (Sindicato das Indústrias de Cerveja e Bebidas em Geral do Estado de Minas Gerais - SINDIBEBIDAS MG), ambos pela atuação exemplar no Programa Fiscalização Ambiental Preventiva na Indústria (FAPI) 2021, executado pela FIEMG em parceria com Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMAD) e a Polícia Militar de Minas Gerais.

- Boas Práticas em Sustentabilidade, com o reconhecimetno à indústria de batata frita congelada (pré-frita) Bem Brasil Alimentos (Sindicato das Indústrias da Alimentação de Uberaba – SINDALIU), pelas ações exemplares no Sistema de Gestão Ambiental (SGA) 4.0, Eficiência Hídrica, e Indicadores em Power BI.

- Boas Práticas em Indústria 4.0, com o reconhecimento à empresa têxtil São Joanense (Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem - SIFT), pelas ações do Projeto ECOLEAN 4.0, utilizando a metodologia "lean manufacturing" (manufatura enxuta), que resulta na melhoria contínua, associada à eficiência do sistema de gestão ambiental da empresa.

O case da Economia Circular da FIEMG também foi apresentado à plateia. Trata-se de uma iniciativa de economia restaurativa e regenerativa, que tem por objetivo manter produtos, componentes e materiais no mais alto nível de utilidade e valor. Assim, investimentos tornam o resíduo como recurso e investem no uso de renováveis, possibilitando resultados econômicos, sociais e ambientais.

O assunto recebe grande investimento da FIEMG. "No ano passado, a Federação lançou a Rede de Economia Circular da Indústria de Minas Gerais, que visa estabelecer uma Rede de Indústrias dedicadas à Economia Circular em cada regional do Sistema FIEMG, promovendo ações de prevenção da poluição e ao uso sustentável dos recursos naturais", afirmou o Analista Ambiental, Guilherme Zanforlin.

Presente no evento, o gerente de Meio Ambiente da FIEMG, Wagner Soares Costa, lembrou a importância do cuidado com a preservação ambiental nas indústrias. “O pensamento das empresas tem que estar voltado para o longo prazo, sobre como ela irá se portar no processo produtivo para atender à exigência da sociedade por sustentabilidade”, disse.

Segundo ele, a gestão ambiental em uma empresa não pode ser vista como um problema. “E, sim, parte da solução. Nosso intuito é que, a questão ambiental, ao ser trabalhada, ela faça parte da estratégia da empresa. Queremos que ela esteja incluída no DNA da empresa”, afirmou Wagner Soares Costa. Houve também, a apresentação dos Projetos da Gerência de Meio Ambiente da FIEMG que serão os carros-chefes para o próximo ano, além do lançamento da nova modalidade de cursos com a temática ambiental no formato online, a FIEMG AMBIENTAL EAD, apresentados pela Analista de Meio Ambiente, Kamila Vilela.

Clique aqui e saiba mais sobre o Curso de Meio Ambiente da FIEMG AMBIENTAL EAD.

Com base nas principais tendências da temática hídrica, o Programa de Regulação e Gestão para Indústria que prevê uma série de ações para as empresas, foi apresentado pelo Analista Ambiental Rone Frank. Com objetivo de orientar e capacitar sobre a regularização de outorga de direito de uso de recursos hídricos, cobrança pelo uso de água e outras obrigações ambientais, que a FIEMG em pareceria com o IGAM, COPASA e Sindicatos Patronais ofertaram capacitações e workshops de instrução ao setor produtivo em 2021. Além disso, a FIEMG por meio da GMA oferece soluções com foco na eficiência hídrica para indústria.

Por fim, houve a apresentação do Programa FIEMG Mudança do Clima apresentado pelo Analista Ambiental, Adriel Palhares. Segundo Palhares, "será realizado o mapeamento em 200 grandes indústrias através de um serviço técnico especializado para contabilização das emissões de gases de efeito estufa com foco na gestão do carbono e identificação de oportunidades para transição para economia de baixo carbono”.

Valorize seu desempenho ambiental e participe dos Programas da FIEMG em 2022.

Últimas notícias

  1. FIEMG é homenageada na celebração dos 150 anos da pioneira Cedro Têxtil

    Leia

  2. Uma discussão sobre os conceitos V.U.C.A e B.A.N.I

    Leia

  3. SESI-MG se destaca no Robotics International Open Brazil

    Leia

  4. Câmara de Metalurgia, Siderurgia e Mineração se reúne no CIT SENAI

    Leia

  5. Confiança do Empresário Industrial atinge patamar mais alto em um ano

    Leia

  6. Setor de mineração investe em energia renovável para atingir a meta de carbono zero

    Leia

  7. Vem aí a 3ª edição da Mostra de Móveis de Ubá

    Leia

  8. FIEMG debate "Política de Concessão de Benefícios Fiscais - Tratamentos Tributários Setoriais"

    Leia