Notícia

Novas simplificações tributárias em Minas Gerais são apresentadas em live

Debate foi promovido pela FIEMG e Secretaria de Estado de Fazenda

Com o objetivo de levar informações para os contribuintes em relação às medidas tomadas pela Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais (SEF), a FIEMG realizou, na quarta-feira (15/7), o seminário on-line “Novas simplificações tributárias em Minas Gerais”.  Luciana Mundim de Mattos Paixão, gerente da área Tributária da FIEMG, destacou que conhecer as novidades trazidas pela SEF é essencial para todos os contribuintes. “Nosso objetivo é levar a melhor informação, de forma precisa, não só para a indústria, mas para toda sociedade”.

O secretário Adjunto de Fazenda, Luiz Cláudio Fernandes Lourenço Gomes, contou que diversas medidas foram adotadas pela pasta e que estas foram escolhidas por meio de sugestões vindas de um grupo de trabalho criado em 2019. “A ideia é fazer hoje nesta conversa um detalhamento das últimas modificações, principalmente sobre as obrigações acessórias. Essa iniciativa teve início no ano passado, quando montamos um grupo de trabalho com a presença de entidades como FIEMG, CDL, Fecomércio e um outro formado por funcionários de Fazenda. Conseguimos juntar essas propostas que foram analisadas e hierarquizadas para que pudéssemos montar cronograma de ações”, explicou Gomes.

Foco no contribuinte

O subsecretário da Receita Estadual, Osvaldo Lage Scavazza, apresentou medidas especialmente importantes neste momento em que o país enfrenta a pandemia do novo coronavírus. “Atuamos de forma para que o contribuinte precise menos da gente. Algumas ações como a priorização do atendimento virtual, a simplificação de obrigações acessórias e o aprimoramento de processos internos foram adotadas”.

Dando foco ao atendimento remoto, segundo a SEF, 112 serviços podem ser realizados total ou parcialmente de modo digital. “Temos canais para que o contribuinte não precise comparecer na unidade como o Fale Conosco no site da secretaria, o LigMinas 155 e o serviço que for presencial deve ser previamente agendado”, explicou Scavazza. De abril a julho, a Fazenda já realizou 360 mil atendimentos aos contribuintes. “O foco é diminuir a presença física nas unidades, hoje, apenas 2% são presenciais. Esse é o retrato do nosso atendimento”, enfatizou o subsecretário.

Em relação à simplificação de obrigações acessórias, os objetivos apontados por Scavazza são “eliminar exigências da mesma natureza, informatizar e automatizar os instrumentos para cumprimento das obrigações tributárias acessórias e aperfeiçoar os processos internos da Subsecretaria da Receita Estadual”.

Ainda com o foco no contribuinte, o subsecretário falou sobre a possibilidade do reparcelamento de alguns tributos. “O objetivo não é chegar às pessoas com parcelamento em vigor, mas sim naquelas que perderam essa oportunidade. Queremos permitir que o contribuinte tenha uma nova chance de ficar em dia. Dessa forma, o contribuinte pode regularizar a Certidão de Débitos Tributários (CDT), evitar ser inscrito na dívida ativa e manter possíveis benefícios fiscais. O reparcelamento atende todos os parcelamentos como taxas, ICMS, ITCD e IPVA”, apresentou. Nessa modalidade, em caso de pagamento à vista, o contribuinte pode ter redução de até 50% do crédito tributário. “Neste caso, o valor mínimo a ser pago não pode ser inferior ao tributo acrescido da multa de mora e juros SELIC”, destacou o subsecretário.

Clique AQUI e veja a apresentação completa. 

Últimas notícias

  1. 26ª edição do Minas Trend acontece em novembro

    Leia

  2. Segunda edição do Encontro Nacional de Jovens Industriais está com inscrições abertas

    Leia

  3. CIEMG realiza reunião e apresenta importância da sustentabilidade em empresas

    Leia

  4. Vem aí a 4ª edição do Conecta Vale do Aço

    Leia

  5. Projeto de educação financeira do SESI Barbacena arrecada mais de R$ 2 mil

    Leia

  6. Workshop "Fortalecimento de Representação do Setor Produtivo nos Comitês de Bacias Hidrográficas”

    Leia

  7. Feira da Moda movimentou Taiobeiras, no Norte de Minas

    Leia

  8. SENAI Minas é premiado no Top Lean 2021 com 20 projetos educacionais

    Leia