Notícia

Primeiro Aeroporto Industrial do Brasil é tema de webconferência

Encontro online foi promovido pelo CIEMG e pelo SINDIPEÇAS

O Centro Industrial e Empresarial de Minas Gerais (CIEMG) e o Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores (SINDIPEÇAS) realizaram na terça-feira, dia 28/04, por meio de um webinar, o encontro “Aeroporto Internacional de Belo Horizonte: um novo conceito de soluções logísticas integradas”. O evento contou com a participação de Marcos Brandão, CEO do BH Airport, e de representantes da indústria e do governo do estado.

O encontro online, que contou com a participação de cerca de 70 pessoas, teve como objetivo promover o debate sobre as oportunidades e vantagens geradas pelo Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, o aumento da competitividade para as empresas e a atração de investimentos para o Brasil e Minas Gerais.

Foi apresentado durante o webinar por Rafael Laranjeira e Cristiano Jardim, da BH Airport, empresa que detém a concessão da administração do aeroporto, que está sendo implementado o projeto Aeroporto-Indústria, com benefícios fiscais diferenciados, conexão direta com Zona Primária de Importação e Exportação, armazenamento e controle de materiais end-to-end, entre outros.

O Aeroporto-Indústria transforma o terminal em um entreposto aduaneiro, onde empresas, principalmente aquelas que usam insumos importados e produzem bens de alto valor agregado, passam a ter isenção de impostos federais, estaduais e municipais para produzirem mercadorias destinadas à exportação. O local vai unir a produção e o modal aéreo, facilitando o escoamento.

De acordo com Marcos Brandão, CEO da BH Airport, o projeto pioneiro tem previsão de investimento de R$ 1 bilhão nos próximos anos e vai promover competitvidade para todo o estado, principalmente para o Vetor Norte e atrair investimentos externos para Minas Gerais."O Aeroporto-Indústria vai trazer indústrias de volta, produzindo mais com valor agregado e promover a exportação. O projeto contribui com a internacionalização das empresas", afirma.

Para Fábio Sacioto, diretor regional do SINDIPEÇAS e financeiro da FIEMG, o tema da apresentação é de interesse de diversos setores industriais. "O Aerorporto-Indústria é uma oportunidade de reduzir custos com burocracia que temos hoje com os processos de importação e exportação de mercadorias. Além de beneficiar a gestão do Caixa", ressalta.

Cássio Braga, presidente do CIEMG, acredita que "o projeto vai ser fundamental para recuperar o setor de aviação quanto para a retormanda da indústria mineira".

web.jpg

web3.png

Últimas notícias

  1. Embaixador do Chile no Brasil visita a FIEMG

    Leia

  2. FIEMG Zona da Mata promove treinamento sobre SPED Fiscal

    Leia

  3. Simpósio de Recursos Hídricos chega ao fim com Carta de Belo Horizonte

    Leia

  4. Especialistas em recursos hídricos visitam laboratórios do CIT SENAI

    Leia

  5. Programa FIEMG Jovem recebe Mentoria em ESG

    Leia

  6. Taxa de Incêndio em Minas Gerais é declarada inconstitucional

    Leia

  7. Minascon: economia circular e arquitetura por Marcelo Rosenbaum

    Leia

  8. Calendário da indústria 2022

    Leia