Notícia

Programa Economia Circular da FIEMG é desenvolvido em indústrias em Montes Claros

Programa promove o melhor aproveitamento da produção, melhores resultados e novas relações comerciais

O programa Economia Circular, desenvolvido pela FIEMG, beneficia empresas de todos os portes com resultados econômicos, sociais e ambientais. Lançado em junho deste ano, pela Gerência de Meio Ambiente (GMA) da FIEMG, o programa tem o objetivo de proporcionar melhorias para tornar os processos das empresas mais sustentáveis aplicando o conceito de economia circular; fazer o mapeamento e divulgação das ações; capacitar colaboradores e identificar os recursos e proposição de oportunidades de negócios ambientais.

Após o lançamento oficial do programa, tiveram início as capacitações de liderança e agora estão sendo realizadas visitas técnicas para mapear e divulgar os casos, seguidas pelas negociações individuais e coletivas. Em Montes Claros aderiram ao programa duas empresas: Novo Nordisk e Alpargatas que estão sendo acompanhadas pela Analista Ambiental da FIEMG Regional Norte, Laila Tupinambá Mota, por Guilherme da Mata Zanforlin, Analista Ambiental da GMA e especialista em resíduos sólidos, e Viviane Assunção da Rocha, do programa FIEMG Competitiva. 

Laila Tupinambá avalia a ação como uma reestruturação do antigo Programa Simbiose Industrial desenvolvido anteriormente como uma rodada de negócios entre empresas. “O Economia Circular promove agora uma agregação das perspectivas e tendências mais atuais do mercado, trazendo a aplicação dos principais conceitos discutidos em âmbito global”, explica.  

De acordo com o analista de Meio Ambiente da FIEMG, Guilherme Zanforlin, o conceito de Economia Circular surgiu na Alemanha e, a partir de 2015, foi amplamente difundido além da Europa. “A ideia é manter os recursos nas cadeias produtivas pelo maior período possível, estendendo a vida útil dos materiais por meio do design, da manutenção, do reuso, da remanufatura e da reciclagem. A FIEMG já vem trabalhando nesse conceito e temos muita experiência em chão de fábrica com empresas de diversos portes”, ressaltou.  

Economia Circular 

As melhorias de processo, proporcionadas pelo programa, são inúmeras e vão além de resultados ambientais, como a redução de consumo de energia, de água ou matéria-prima. Oportunidades como maior exposição da marca, otimização de recursos, novos negócios, aproximação do cliente, adoção de soluções tecnológicas, redução de passivos e abertura para novos mercados são algumas novas possibilidades. Isso vai  mobilizar a sociedade, mostrando o movimento das indústrias para a circularidade de seus produtos, processos e serviços. O Economia Circular reúne em todo o Estado empresas de diversos segmentos e portes que estão fazendo parte desse processo que promove aumento de receita, redução de custos e também de impactos ambientais.  

Saiba mais sobre toda a política de Economia Circular da FIEMG.  

Últimas notícias

  1. FIEMG Competitiva e SindSorvete oferecem aperfeiçoamento profissional

    Leia

  2. Workshop "Fortalecimento de Representação do Setor Produtivo nos Comitês de Bacias Hidrográficas”

    Leia

  3. Vem aí a 4ª edição do Conecta Vale do Aço

    Leia

  4. Feira da Moda movimentou Taiobeiras, no Norte de Minas

    Leia

  5. Segunda edição do Encontro Nacional de Jovens Industriais está com inscrições abertas

    Leia

  6. FIEMG divulga a programação da 26ª edição do Minas Trend

    Leia

  7. 26ª edição do Minas Trend acontece em novembro

    Leia

  8. CIEMG realiza reunião e apresenta importância da sustentabilidade em empresas

    Leia