Notícia

Empresários mineiros voltam otimistas da Web Summit

Delegação liderada pela FIEMG aponta Lisboa como a porta de entrada para a internacionalização

A WebSummit, o principal encontro de tecnologia e inovação do mundo, termina com a mensagem de que a digitalização é sobre liberdade e sociedades abertas. As indústrias mineiras de software, tecnologia da informação e comunicação voltam de Portugal depois de participar de uma intensa agenda de promoção comercial, com intuito de alavancar as exportações de serviços e ampliar o número de empresas internacionalizadas do estado. Estiveram presentes na feira em Lisboa 69.304 pessoas de 159 países.

Fizeram parte da delegação o presidente do Sindicato da Indústria de Software e Tecnologia da Comunicação (Sindinfor), Welington Teixeira e o presidente do sindicato da Indústria de Auto Peças (Sindipeças), Fábio Sacioto.

“Não somos apenas TI, somos economia digital, somos transversais. Vimos na Web Summit que o digital está em tudo a cada dia. Na FIEMG somos 139 setores que vão de automotivo, mineração, metalomecânico à panificação. Somos todos industriais e só estaremos preparados para o futuro se estivermos juntos. Nossa responsabilidade como TI é atender às necessidades de todos. Uma mão apenas não move nada, precisamos cada um mover um pouquinho para conseguirmos fazer o Estado e o País que sonhamos”, diz Wellington Teixeira.

Websumit-portal.jpeg

“Foi uma surpresa muito agradável a interação com as startups e com a liberdade de expressão delas. A tecnologia está nos veículos em vários equipamentos como em itens de segurança, gestão de energia, carros híbridos, elétricos, autônomos. Vejo que a tecnologia está no processo e nos produtos. Achei importante participar dessa missão liderada pelo setor de TI porque as inovações permeiam todos os tipos de indústrias”, afirma o diretor da FIEMG, Fábio Sacioto.

A delegação participou no último dia da conferência de um momento de networking com empresas estrangeiras e de visitas técnicas, na aceleradora Beta-i, na incubadora Startup Lisboa Tech e a na Farfech, primeira startup portuguesa a garantir status de unicórnio, termo aplicado a uma startup que possui avaliação de preço de mercado no valor de mais de 1 bilhão de dólares.

A WebSummit reuniu representantes de gigantes da internet como Google, Microsoft, Uber, Booking, além de autoridades internacionais e ativistas. A missão é apoiada pelo Centro Internacional de Negócios (CIN), por meio da Confederação Nacional da Indústria - CNI, Rede Brasileira de Centros Internacionais de Negócios - Rede CIN, e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações - Apex-Brasil. 

“A digitalização é sobre liberdade, diálogo, tolerância e sociedades abertas: Vamos usar a revolução digital para o diálogo, para a paz. É difícil, porque esta onda que está a atravessar o mundo anda no sentido contrário ao da revolução digital, mas temos de lutar por esses princípios”, recomendou. “Essa é a mensagem. Levem-na para o resto do mundo. Não deixem as vossas mensagens só para vocês. Ajudem a criar um mundo melhor” - Marcelo Rebelo de Sousa, presidente de Portugal.

Websumit-imagem.jpg                                                       

 Confira depoimentos de empresários mineiros na Web Summit:

Galeria

Últimas notícias

  1. Espaço Usiminas de Arte recebe exposição do acervo do SESI MAO

    Leia

  2. Selecionadas as 50 Startups que serão aceleradas no FIEMG 4.0

    Leia

  3. Empresários do Norte de Minas conheceram as ações do projeto FIEMG Competitiva

    Leia

  4. Workshop Compliance Ambiental

    Leia

  5. De malas prontas para a Turquia

    Leia

  6. Previdência: reforma ou falência?

    Leia

  7. CIEMG promove o 1° Seminário Gerenciando Projetos na Indústria

    Leia

  8. Clóvis de Barros Filho ministrará palestra em Ipatinga

    Leia