Notícias

A influência e o poder do líder sobre os resultados na organização

Desempenho da equipe depende do líder no engajamento emocional e intelectual

No mundo dos negócios, a grande preocupação do empreendedor é o resultado positivo da organização, cujo desempenho depende do engajamento das equipes que, por sua vez, está diretamente ligado ao papel do líder.

É o que afirmou Márcia Rabello, em palestra no Café Empresarial do CIEMG realizado no dia 9 de novembro. 

A consultora avalia que a falta de engajamento e de comprometimento com a empresa impacta diretamente nos resultados da organização. Estudos recentes apontam que, na média, cada profissional realmente produz apenas durante 2h30 das 8 horas de trabalho.

"É importante que o líder exerça seu papel tendo em mente que as equipes não utilizam sequer 80% de seu potencial, o que impacta diretamente nos resultados da empresa”, avalia Márcia. De acordo com a pesquisa, entre os trabalhadores brasileiros, apenas 21% se manifestaram comprometidos com a empresa; 61% são desengajados e 18% são ativamente desengajados, ou seja, indiferentes ou têm até mesmo posturas negativas em relação ao trabalho.

Para a palestrante, bastam pequenos gestos, naturais, espontâneos e verdadeiros para estimular e alcançar o comprometimento das pessoas com seu trabalho. "Não é preciso usar técnicas mirabolantes”, disse a psicóloga e consultora em gestão de pessoas. "Cabe ao lider olhar de uma forma diferente para as pessoas na organização”.

Os líderes precisam saber que a sensação de competência no exercício das atividades é a maior fonte de bem-estar. Daí a importância do feedback, ou seja, o retorno, aos colaboradores sobre seu desempenho. "A falta desse retorno mina a autoconfiança do profissional e da equipe, o que leva a pessoa a desacreditar no seu potencial e se sentir desestimulada, desintegrada do grupo de trabalho", ressaltou Márcia.

A satisfação é um dos principais fatores que podem comprometer o engajamento, ou seja, o comprometimento emocional e intelectual com que cada um desempenha suas funções. Assim, o papel do líder é criar significados para o liderado sobre qual é sua contribuição no que faz, para assim ter domínio sobre o alcance de sua função, estimular e propor desafios e estabelecer ambiente de camaradagem e desenvolvimento pessoal e individual.

Márcia alterta que para construir e consolidar a atuação de uma equipe, é preciso que o líder identifique e reconheça os diferentes níveis de consciência de cada um. Além de inspirar e estimular, o líder precisa saber identificar o tipo de comunicação adequado para cada perfil. “Líderes também precisam ter em mente que todos querem participar de algo maior, de significado mais amplo e viver na prática os valores da organização”, finaliza. 

Últimas notícias

  1. Indústria quer mais competitividade para Contagem

    Leia

  2. Indústria consegue na Justiça estender consulta sobre rotulagem na Anvisa

    Leia

  3. Alimento tarja preta: mudança em rótulos terá impacto na indústria de alimentos

    Leia

  4. Tabelamento de frete pode levar à formação de cartel, aponta Cade

    Leia

  5. II Conferência de Meio Ambiente debate Políticas Ambientais em Contagem

    Leia

  6. Escolas SESI E SENAI funcionarão em dias de jogos da Seleção Brasileira

    Leia

  7. Eleita nova diretoria do CIEMG

    Leia

  8. FIEMG repudia frete mínimo para o transporte de cargas

    Leia