Notícia

Minas 300 anos: Produzindo desenvolvimento e construindo o futuro

Perfil industrial é marca registrada de um estado que é diverso e inovador desde o nascimento

Minas Gerais do ouro e dos diamantes, o estado da indústria da mineração, que lhe rendeu o nome. Minas Gerais da Inconfidência Mineira, empreendedores que ajudaram a constituir o Estado Nacional e a República e a abrir os caminhos da liberdade e do progresso. Desde então Minas Gerais passou a fortalecer seu perfil industrial e hoje conta com uma das mais diversificadas e pujantes economias do país.

“Minas Gerais da metalurgia, da siderurgia, do agronegócio, da moda, da energia, da indústria automotiva e de dezenas de outros setores, que fazem girar a roda do desenvolvimento e geram oportunidades para milhões de mineiros e brasileiros. Temos imenso orgulho do nosso estado e estamos prontos para sermos o motor dos próximos 300 anos de riquezas e avanços, com tecnologia, inovação, muitos talentos e grandes valores. Produzimos desenvolvimento e estamos construindo o futuro”, celebrou o presidente da FIEMG, Flávio Roscoe.

Atualmente, o amplo parque fabril do estado conta com vários segmentos relevantes, que representa uma grande base de contribuição para a economia do Estado. Tanto que Minas abriga a indústria da transformação com o segundo maior faturamento do país, contextualiza o líder industrial. O setor, segundo dados divulgados pelo IBGE, gerou um avanço de 23,7% no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro no terceiro trimestre deste ano, mesmo com a crise sanitária mundial devido à Covid-19. “Diante do quadro de pandemia, os resultados são positivos. O cenário que aguardávamos era pior”, considera o gestor.

“A diversificação da economia é vital. A FIEMG investe pesado em ciência e tecnologia e programas que integrem indústrias às startups, como o FIEMG Lab, culminado em um amplo planejamento tecnológico para o estado. Acreditamos que a tecnologia é o caminho para agregar valor e desenvolver novos segmentos e com isso, diversificar a matriz econômica mineira”, aponta o presidente da FIEMG. Além do FIEMG Lab, na área da inovação e tecnologia, a indústria mineira pode contar com o Centro de Inovação e Tecnologia (CIT) SENAI e o Centro de Desenvolvimento e Treinamento da Indústria 4.0, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

A Federação mineira realiza ainda amplo trabalho na defesa dos interesses da indústria. Durante a pandemia, a entidade trabalhou efetivamente para mudanças na legislação, tentando melhorar o ambiente de negócios e a redução da burocracia, essenciais ao bom desempenho da economia.

“Também trabalhamos em defesa dos interesses da sociedade. Fizemos a defesa da Medida Provisória 936, que, por meio da junção de esforços do poder público, das empresas e dos trabalhadores, já salvou cerca de 12 milhões de empregos. Fomos a primeira instituição a apoiar a reforma da previdência. Temos defendido medidas que que afetam diretamente ou não o setor industrial, porque são de interesse da sociedade e a FIEMG não tem medo de se posicionar”, finalizou o líder industrial. 

Últimas notícias

  1. A hora da indústria é agora

    Leia

  2. A hora é agora! 2021 é o ano do seu emprego na indústria

    Leia

  3. Presidente do SIAMG é destaque em lista de personalidades da revista Mercado Comum

    Leia

  4. FIEMG Competitiva On-line capacita empresas sobre LGPD

    Leia

  5. Programa de Desenvolvimento de Conselheiros forma 6ª turma e tem a palavra do ministro do Desenvolvimento Regional

    Leia

  6. Pesquisa vai apontar tendências do mercado imobiliário

    Leia

  7. Indústria mineira mostra resiliência e contribui para minimizar impactos econômicos provocados pela Covid-19

    Leia

  8. IEL conecta os melhores talentos à indústria mineira

    Leia