Notícia

Exército visita o Centro de Inovação e Tecnologia CIT SENAI FIEMG campus Cetec

Oficiais buscam informações sobre desenvolvimento da indústria mineira

Oficiais do curso de Altos Estudos Militares da Escola de Comando e Estado Maior do Exército Brasileiro (ECEME) visitaram no dia 28/08 o Centro de Inovação e Tecnologia SENAI-FIEMG Campus Cetec, em Belo Horizonte. O objetivo foi conhecer um pouco da indústria mineira e seu nível de desenvolvimento no estado. “O Cetec representa bem o que tem sido feito pelo Sistema FIEMG no sentido de aprimorar o desenvolvimento tecnológico do setor industrial em Minas Gerais”, salientou o secretário executivo da Câmara da Indústria de Defesa da entidade, Fernando Castelo Branco.

O diretor executivo da unidade, professor José Policarpo, salientou que o Cetec agrega tecnologia e inovação ao conhecimento científico, contribuindo para o “tripé de ouro” do desenvolvimento. “Tese que vai para a prateleira não serve para nada. A sociedade tem que ser beneficiada. Esse é o desafio do país, pegar o conhecimento gerado na universidade e colocá-lo na indústria”, afirmou.

Segundo ele, o Brasil vive hoje uma dicotomia – é o 15º produtor científico mundial, mas o 64º em inovação, investindo apenas 0,87% do Produto Interno Bruto (PIB) em Pesquisa e Desenvolvimento. “É inaceitável”, resumiu.

O instrutor da Escola de Comando e Estado Maior do Exercito Brasileiro, coronel Sérgio Henrique Codelo Nascimento, informou que a visita ao Cetec “coroa uma disciplina que estuda estratégias de desenvolvimento em várias regiões do país”. Além de Belo Horizonte, o grupo, que já esteve em Brasília, passará ainda por São Paulo e São José dos Campos.

Vale da Eletrônica - Entre os dias 3 e 5 de setembro, as Forças Armadas estarão na Feira Industrial do Vale da Eletrônica (FIVEL), promovida pelo Sindicato das Indústrias de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos e Similares do Vale da Eletrônica (SINDVEL) com apoio da Associação Industrial de Santa Rita do Sapucaí. 

Os oficiais participarão com estande e duas palestras no primeiro dia da Feira. “Com as Forças Armadas participando da Fivel, será possível identificar elos existentes entre a engenharia do Exército e da Marinha e a de Santa Rita do Sapucaí. Além disso, pretendemos criar oportunidades de negócio entre os dois setores, uma vez que, hoje, todo a aparelhamento das Forças Armadas é importado”, afirmou o presidente do Sindvel, Roberto de Souza Pinto.

Últimas notícias

  1. Representante de Minas: FIEMG faz homenagem a Guilherme Santana Lopes Gomes, novo diretor da ANM

    Leia

  2. O Grande Encontro da qualidade

    Leia

  3. Industriais mineiros mantêm confiança pelo 15º mês seguido

    Leia

  4. Sindivest-JF celebra 55 anos de história

    Leia

  5. Presidente da FIEMG fala a empresários da Zona da Mata sobre importância do associativismo

    Leia

  6. Resultado do Programa FC Desafio 2021

    Leia

  7. FAPI é principal ganhador do prêmio Gestão Ambiental 2021

    Leia

  8. Situação econômica é debatida em reunião de presidentes de Sindicatos da Zona da Mata com Flávio Roscoe

    Leia