Notícia

FEMUR 2022 já está sendo preparada

Feira será presencial e organização do evento busca conciliar segurança com bons negócios

O reencontro que todo mundo espera já tem data marcada. A 15ª edição da FEMUR - Feira de Móveis de Minas Gerais está confirmada para acontecer entre os dias 24 e 27 de janeiro de 2022 e vem não apenas para abrir o calendário de feiras, mas para alavancar a economia da região no ano da retomada pós-pandemia. Em busca da inovação no mercado, o Polo Moveleiro de Ubá larga na frente, com otimismo, expectativa de avanço na vacinação e redução da contaminação pelo vírus da Covid-19. O evento, realizado pelo Sindicato Intermunicipal das Indústrias do Mobiliário de Ubá (Intersind), contando com o apoio da FIEMG, está sendo pensado com todos os protocolos de segurança exigidos e vai marcar o reencontro do fabricante com o lojista e o mercado. 

Para o presidente do Intersind, Aureo Calçado Barbosa, as expectativas para o momento da feira são ótimas e espera-se que até lá a crise sanitária esteja terminando. “Estamos no final da crise causada pelo coronavírus. Com o avanço da vacinação, vamos aumentando a tranquilidade e o conforto para a realização da feira.  Além disso, são esperadas diversas novidades para quem for visitar a exposição, com inovações desenvolvidas desde a realização da edição passada”, disse. 

Mesmo com esperanças para o retorno das atividades normais, a organização ressalta que a realização da feira seguirá os protocolos de segurança, com obrigatoriedade do uso de máscaras. Além disso, será incentivado que os participantes façam o check-in on-line, evitando aglomerações em filas de credenciamento, e será orientado manter o distanciamento social dentro do local de realização do evento.

Ubá, a Cidade Carinho, é quem espera mais uma vez expositores e lojistas. Na última edição, foram recebidos 12 mil visitantes, com mais de 80 estandes. Para o ano que vem, a expectativa é que esse número suba para 90. “Já começamos a trabalhar para realizar mais uma edição de nossa tradicional FEMUR. Em nome das nossas indústrias moveleiras, que vão expor durante esta edição, convido a todos os nossos clientes do Brasil e do exterior a nos visitarem”, declara Aureo Barbosa.

Capital Estadual da Indústria Moveleira

Essa edição da FEMUR é a primeira a ser organizada após a cidade de Ubá receber das mãos do governador Romeu Zema o título de Capital Estadual da Indústria Moveleira, em 2020. O Polo Moveleiro de Ubá nasceu da iniciativa de marceneiros empreendedores que buscavam maneiras de desenvolver seus negócios. O presidente do Intersind ressalta a importância da FEMUR para o sucesso da indústria local. “Desde sua primeira edição, nossa feira vem construindo um ótimo relacionamento com nossos clientes, ambiente onde trocamos experiências e demonstramos nossos produtos para o mercado.” Com reconhecimento nacional e internacional, os produtos produzidos no polo são a base da economia de diversas cidades. “A economia de nossa microrregião, formada por cerca de 22 municípios e com uma população em torno de 400 mil habitantes, está alicerçada na indústria moveleira e toda sua cadeia produtiva”,  finaliza Aureo.

Femur - Feira de Móveis de Minas Gerais

Data: 24 a 27 de janeiro de 2022

Horário: 14h às 21h 

Local: Pavilhão de Exposições do Horto Florestal, Ubá-MG

Entrada gratuita mediante credenciamento

Evento exclusivo para lojistas. Entrada proibida para menores de 16 anos

Últimas notícias

  1. FIEMG Jovem encerra ano com discussão sobre política e 'lobby'

    Leia

  2. Bolsonaro recebe propostas da indústria para a retomada do desenvolvimento e do emprego em 2022

    Leia

  3. Sindipan-JF faz tradicional Confraternização de Final de Ano

    Leia

  4. Descarbonização da indústria da mineração é tema de encontro com britânicos na FIEMG

    Leia

  5. Atividade industrial registra queda de 1,3% em outubro sobre setembro

    Leia

  6. Estrada Real: a história e a riqueza do Brasil passam por aqui

    Leia

  7. Movimentos que libertam a alma

    Leia

  8. Setor sucroenergético de Minas Gerais receberá R$ 6 bilhões em investimentos

    Leia