Notícias

Made in Minas

Projeto do Sindijoias Ajomig resgata a identidade cultural do estado como diferencial competitivo das marcas do setor

Foi realizada no dia 28 de março, no SEBRAE-MG, a palestra “Made in Minas”, com o estilista Walter Rodrigues e a designer Marcia Croce, abordando a importância para Minas Gerais de encontrar sua marca e o desafio de se criar uma moda genuinamente mineira.

A apresentação foi o fechamento da primeira etapa do projeto Identidade Minas, realizada pelo Sindijoias Ajomig, SEBRAE Minas e o Instituto By Brasil, que tem como principal objetivo ajudar as micro e pequenas empresas do setor a se fortalecerem, se posicionarem no mercado, criando valor de produto, através da busca do seu DNA, a identidade da marca.

Na palestra, Márcia e Walter apresentaram os elementos que as empresas devem trabalhar. Através das características de Minas, que são muitas e por vezes únicas e diferenciadas, as marcas podem encontrar um espaço comercial forte no país e mesmo no exterior.  

“O mar de montanhas de Minas e BH faz você ter olhares diferentes para a mesma coisa”, diz o estilista.  Para ele, a riqueza de detalhes das curvas, do barroco e das tradições do estado traduzem a moda mineira. Ele cita como referência Fabiana Milazzo, Patrícia Bonaldi e Rogério Lima. “O trabalho que eles realizam apresentam as características do estado de uma forma extremamente moderna, contemporânea e renovada. Atual e sofisticada”, conclui.

Já Márcia acredita que não damos o valor necessário ao nosso produto, como as pedrarias e gemas. “Acho que pra vocês é tão corriqueiro que não percebem a beleza que tem”, diz. “As joias mineiras são uma sensação. O design é riquíssimo, premiado e deve ser valorizado”, alerta.

                         

20160328_213830.jpg          

Identidade Minas

Realizado em três fases, com 20 empresas participantes, o projeto quer que essas empresas se fortaleçam, criando valor de mercado e de produto.

O trabalho deve levar cerca de dois anos e meio, sendo que a primeira etapa já foi concluída, com a realização de workshops, onde as marcas, inspiradas nas riquezas e características de Minas, criaram suas coleções.

“O produto é o ponto de partida. Sem ele, não tem como ir ao mercado”, diz Manoel Bernardes, presidente do Sindijoias Ajomig.

Na segunda etapa será feito um trabalho de branding, onde as marcas irão encontrar o seu DNA, alinhado às características do estado e técnicas que aprenderam na primeira fase do projeto. Através desse processo, elas vão fortalecer o “Made in Minas”, criando uma identidade única, forte e reconhecida.

Na última fase as empresas vão buscar o mercado já com a marca desenvolvida. “E, assim, aumentar a sua competitividade e perenização”, afirma Bernardes.

Resultados

Para as empresas participantes, as mudanças têm sido positivas e até radicais. “Praticamente nascemos de novo”, diz Patrícia Guerra da Sorelle. “Mudamos nosso jeito de pensar. O trabalho tem sido maravilhoso. A palestra nos ajudou muito a ver nossas qualidades e usar na nossa busca de identidade”, afirmou.

Nívia Marisguia, da grife Cláudia Marisguia, diz que o projeto está sendo um norte para a empresa. “Todo o trabalho tem sido muito importante e significativo. Com metodologia e técnicas diferenciadas temos um olhar mais focado na qualidade do produto, precificação e identidade da marca. E já estamos super animados para a próxima etapa!”, finaliza.

Quem visitar o Minas Trend, que acontece no Expominas de 04 a 07 de abril, vai poder conferir de perto a primeira etapa do projeto, onde as marcas vão expor como foi todo o processo da criação desta primeira coleção, desde o desenvolvimento do conceito até a criação de materiais.

 

Empresas participantes 

ART GOLDBIA VIEIRA ACESSORIOS,  CAREDANCIBELE ANDRADE,  CLAUDIA MARISGUIA BIJOUXDIVINISSIMAERE BIJOUTERIAS,  ESSAMULHERHELIANA LAGESJERUSA GOMESLAZARA DESIGNLÉCIA MOURAMANOEL BERNARDESJOIAS MARRE INFINITO,  PAIXÃO PEDRAS, RGR COMÉRCIOSIMONE SALLES BIJOUTERIAS E ACESSORIOSSORELLE, VIANNA, VR DESIGNER

20160328_212402.jpg

 

 

 

 

Últimas notícias

  1. 22ª Fenova começa com grandes expectativas de vendas

    Leia

  2. SINDBEBIDAS e PCIR promovem mais uma ação do Projeto Pão de Malte

    Leia

  3. Sul-africanos querem mudar o saldo comercial com Minas Gerais

    Leia

  4. Tendências para a indústria em pauta em Governador Valadares

    Leia

  5. Empresas de Uberaba são aprovadas em edital de inovação

    Leia

  6. Noite de consagração no MegaCana Tech Show

    Leia

  7. FORLAC levou novidades para o setor de laticínios

    Leia

  8. FIEMG Lab 4.0 e o novo ciclo de aceleração de startups

    Leia