Notícia

Manutenção da SELIC é avaliada como positiva pela FIEMG

Aumento da taxa de juros impactaria negativamente a recuperação em curso

A FIEMG avalia como positiva a decisão do Conselho de Política Monetária (Copom), do Banco Central, pela manutenção da taxa Selic em 2% ao ano, conforme divulgação realizada nesta quarta-feira (20). A Federação entende que, tendo em vista a transitoriedade inflacionária recente e o elevado grau de ociosidade da economia brasileira, sobretudo do setor de serviços, a medida é acertada. Esse cenário deixa claro que a economia brasileira ainda apresenta uma série de fragilidades e que a retirada do estímulo monetário, por meio de um aumento da taxa de juros, impactaria negativamente a recuperação em curso.

A recuperação das perdas econômicas provocadas pela pandemia do novo coronavírus observada no segundo semestre de 2020 ocorreu de forma desigual entre os setores. Enquanto a produção da indústria e as vendas do comércio já superaram o patamar pré-pandemia em 2,6% e 7,3%, respectivamente, o setor de serviços, responsável por aproximadamente 70% do PIB, ainda opera com grande ociosidade e não foi capaz de superar as perdas da pandemia.

Reforçando essa evidência, a taxa de desemprego segue elevada no Brasil, em 14,6%, com um total de 14,1 milhões de pessoas desocupadas e há risco de aumento com a extinção dos programas governamentais de manutenção do emprego e da renda em dezembro de 2020.

Na leitura do mês passado, houve a acomodação dos indicadores de confiança de empresários e de consumidores. Essa é uma indicação de que a economia brasileira está em compasso de espera diante do grau de incerteza em relação aos rumos da economia nos próximos meses.

Quanto aos riscos inflacionários, merece destaque a trajetória levemente ascendente do IPCA em relação à meta de inflação em 2020. No entanto, é quase consensual o caráter transitório de avanço da inflação, pautado pela escalada de preços dos alimentos e pela desvalorização do real perante o dólar.

Últimas notícias

  1. O agronegócio na pauta dos empresários mineiros

    Leia

  2. FIEMG apresenta Obrigações Legais Ambientais 2021

    Leia

  3. Aprendizado e solidariedade marcaram os últimos 12 meses de trabalho da FIEMG

    Leia

  4. Planejamento para 2021 é pauta do Conselho de Gestão Estratégica de Pessoas

    Leia

  5. SENAI prorroga prazo de inscrições para Cursos Técnicos 2021

    Leia

  6. Acordo do Estado com a Vale vai movimentar a economia em Minas Gerais

    Leia

  7. Câmara da Indústria da Construção realiza encontro mensal

    Leia

  8. Expectativas dos empresários da indústria mineira seguem positivas

    Leia