Notícias

Respiradores doados pela FIEMG atenderão municípios do Alto Paranaíba e Noroeste

Anúncio foi feito ontem, em videoconferência com empresários da região

O Alto Paranaíba e Noroeste Mineiro receberão 34 respiradores doados pela FIEMG para o Governo de Minas Gerais. O anúncio foi feito pelo presidente da Federação, Flávio Roscoe, durante videoconferência realizada nesta quarta-feira, 5 de agosto, com empresários industriais da região.

A destinação destes respiradores para a região trazem uma nova perspectivas no combate ao Covid-19. De acordo com o vice-presidente Lisandro Bicalho, os equipamentos proporcionarão mais segurança no tratamento dos pacientes em toda a região, de forma mais rápida e eficaz.  

Os respiradores produzidos pela empresa de soluções tecnológicas Tacom, com apoio da FIEMG, foram homologados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) na última segunda-feira, 3 de agosto e poderão ser utilizados em hospitais em todo o país. O equipamento começou a ser fabricado por meio do projeto “Inspirar”, que desenvolveu tecnologia inédita para a fabricação de respiradores, com a atuação de uma equipe multidisciplinar: médicos intensivistas, engenheiros, programadores e desenvolvedores. 

Flávio Roscoe informou que além do apoio institucional para que o projeto “Inspirar” fosse adiante, a FIEMG vai adquirir 1,5 mil respiradores. Serão doados para o Governo de Minas Gerais para que sejam distribuídos em todo o estado. "Esta conquista importante mostra a força da união da indústria mineira, que, liderada pela Federação, viabilizou recursos para o projeto, além de comprovar também a capacidade empresarial que temos em agir e aprovar, em tempo recorde, um projeto que vai atender as demandas da nossa sociedade", pontuou. 

Participaram da videoconferência: o vice-presidente – Regional e presidente do Sindimetal, Lisandro Bicalho; a diretora da Regional, Teresinha Martins; o presidente do Sindivest, Geraldo Fernandes e os diretores do Sinduscon, Clever Caixeta, Giovani de Deus, Marcelo Malheiro e João Batista Nunes Nogueira. 

Durante a videoconferência, foram abordados outros temas como: retomada da economia pós-pandemia; liberação de recursos do Pronampe; geração e distribuição de energia; reflexos da pandemia nos setores metalmecânico, da construção civil e do vestuário e também, as classificações regionais do Programa Minas Consciente, especialmente, em questões que impactam o Alto Paranaíba e Noroeste. 

 

Galeria