Notícias

Flávio Roscoe toma posse no Sistema FIEMG e Roberto Revelino é homenageado no Dia da Indústria

Com a Medalha Mérito Industrial

A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) celebrou no último dia 24, o Dia da Indústria 2018. A solenidade ocorrida na Sala Minas Gerais, em Belo Horizonte, contou com a posse do novo presidente eleito do Sistema FIEMG, Flávio Roscoe Nogueira. Na ocasião, também foram homenageados 15 empreendedores do estado com a Medalha Mérito Industrial. O indicado agraciado da Região Pontal foi o empresário do setor da Panificação, Roberto Revelino Silva proprietário da Baghetti Paes e Confeitaria. O Homenageado também é presidente do SINPAMA (Sindicato das Indústrias de Panificação e Alimentação) e presidente da FIEMG Regional Pontal do Triângulo.

O presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, recebeu o Grande Colar do Mérito Industrial.

Na presença do presidente da República, Michel Temer e do Governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, o novo presidente empossado, Flávio Roscoe defendeu que o governo deve apoiar o setor produtivo, implementando reformas estruturais urgentes para o crescimento, a exemplo da nova legislação trabalhista e do controle de gastos públicos, já em vigor. “Vamos nos dedicar 24 horas por dia, 365 dias por ano, para construir um ambiente de negócios que nos permita concorrer e conquistar mercados no Brasil e no mundo. As dificuldades que impactam a indústria afetam também os trabalhadores e a sociedade brasileira, que é quem paga os tributos. Vamos trabalhar em todos os fóruns, sobretudo no Legislativo, para construir leis vocacionadas ao crescimento econômico”, destacou Roscoe.

Participaram da cerimônia acompanhando o agraciado, sua esposa Liane Pereira, os filhos João Paulo e Gabriel Silva, o presidente do SINCOTAP, Ivan Abrão e o ex-presidente da FIEMG Pontal, Adson Marinho.

 

A trajetória do homenageado do Pontal - Roberto Revelino Silva

Roberto-Presidente-FIEMG.jpg

Industrial há mais de 30 anos no segmento de Panificação, Roberto Revelino Silva começou sua empresa em 1985, com o nome de Panificadora Dular, fundada por seu pai, Afonso Lourenço da Silva, um panificador experiente, que mantinha como principal foco a venda tipo atacado para mercearias urbanas e zona rural. Em 1995, ele assumiu a administração da empresa e, a partir de 1998, percebeu a necessidade de inovar.

Roberto Revelino Silva promove uma grande ampliação na empresa e muda o seu foco para o varejo, e nasce assim a Baghetti Paes e Confeitaria, inaugurada em dezembro de 1999.  A Baghetti é referência por sua arrojada infraestrutura, atendimento e qualidade, sendo uma das maiores empresas do setor na Região do Pontal do Triângulo. Sem esquecer a sustentabilidade.

O empresário tijucano é reconhecido pelas constantes adequações que faz em sua produção para torná-la, cada vez mais, menos impactante ao meio ambiente, que contribuem para o desenvolvimento e para a responsabilidade empresarial social promovendo a geração de empregos e renda para o município.