Notícias

FIEMG lidera missão empresarial em Dubai

Quatro empresários do setor industrial de Valadares participam da Expo Dubai

A Federação das Indústrias de Minas Gerais (FIEMG) lidera a maior missão empresarial à Expo Dubai. O evento, que está sendo realizado no Emirados Árabes, conta com uma delegação mineira de 235 integrantes, entre eles, empresários, parlamentares, patrocinadores e governo. Fazem parte da comitiva da FIEMG representantes de 14 setores produtivos. De Governador Valadares, participam quatro empresários, representando a Regional Rio Doce, através do setor da construção, vestuário, alimentos e mobiliário.

A missão com os empresários desembarcou em Dubai na quinta-feira (11.11) para ter acesso ao que há de melhor e mais avançado em inovação e projetos sustentáveis. Os integrantes da comitiva participam até o dia 20 de novembro, da Expo Dubai, exposição universal que segue até março de 2022, nos Emirados Árabes Unidos. O evento mundial e itinerante, acontece desde 1851, de 5 em 5 anos, já percorreu o mundo e é a primeira vez que é realizado no Oriente Médio.

A Expo Dubai tem três vertentes: sustentabilidade, mobilidade e oportunidade. O pavilhão Brasil, na exposição, tem uma área de 3,7 mil m². O País está inserido na vertente sustentabilidade e mostrará ao mundo a diversidade e seus potenciais agrícolas, industriais e tecnológicos.

A delegação mineira, dirigida pelo Centro Internacional de Negócios da FIEMG, vai identificar parceiros e trocar iniciativas de tecnologia com visitantes da Expo Dubai.

Entre os vários compromissos na exposição, empresários brasileiros terão a oportunidade de realizar grandes experiências em tecnologia e soluções verdes, entre elas, visitar a Masdar City, cidade localizada no meio do deserto, que promete ser a mais sustentável do mundo. Masdar City realiza diversas ações com o objetivo de tornar-se neutra em emissão de CO2. 

A atração de novos investimentos, inovação tecnológica, projetos sustentáveis e atualização de temas para maior competitividade dos negócios, marcam a experiência dos empresários no evento. “É uma oportunidade para ver o que está acontecendo na vanguarda do mundo em termos de inovação tecnológica e sustentabilidade e poder conectar essas soluções com a nossa indústria. Os industriais mineiros vão poder se atualizar em seus respectivos setores, fazer negócios, além de levar uma parte da nossa cultura para o evento”, afirma Flávio Roscoe, presidente da FIEMG. Ele reforça que inovação e desenvolvimento de tecnologia são marcas predominantes no DNA da indústria brasileira e das instituições que a representam.

Valadares

            De Governador Valadares para o mundo. Quatro empresários do setor industrial da cidade integram a comitiva da FIEMG e participam da Expo Dubai, representando a Regional Rio Doce, através do setor da construção, vestuário, alimentos e mobiliário.

Sandro Heringer, diretor da Carrocerias Heringer e presidente do Sindicato das Indústrias do Mobiliário de Governador Valadares (SIM/GV); Hérika Sendas, diretora da Ananda e presidente do Sindicato das Indústrias do Vestuário de Governador Valadares (Sinvest/GV); Luiz Alberto Jardim, diretor das construtoras Diretriz e Predileta e presidente do Sindicato das Indústrias da Construção Civil de Governador Valadares (Sinduscon/GV); Heládio José Martins Esteves, diretor da Barbosa e Marques e presidente do Sindicato das Industrias da Alimentação de Governador Valadares (Sindal/GV).

            Segundo o presidente da Regional Rio Doce da FIEMG, Marcos Lopes, é importante a participação dos empresários na exposição devido as oportunidades que pode trazer ao setor produtivo. O evento concentra autoridades, lideranças empresariais em um único local, o que viabiliza oportunidades de negócios, investimentos e networking. “Por ser uma feira multissetorial, é uma plataforma para fazer negócios em Dubai e mostrar aos empresários sobre as vantagens competitivas que o emirado oferece. A exposição abrange diversos tipos de negócios e cadeias produtivas. Uma oportunidade para os representantes da Regional Rio Doce da FIEMG, conhecer as principais inovações industriais sustentáveis e tecnológicas”, disse.

Emirados Árabes

Emirados Árabes têm uma população de 8,5 milhões de habitantes, sendo 10% de emiradenses e 90% de estrangeiros (204 nacionalidades) que convivem pacificamente. Abu Dhabi tem 90% do território e da produção de petróleo.Abu Dhabi também é um posto relevante não apenas para o Brasil, mas para o mundo. A capital do país do Oriente Médio conta hoje com quase 130 missões diplomáticas, com embaixadas de todos os países da União Europeia.

Os Emirados, além da capacidade de investimentos, são considerados também entreposto comercial e “porta de entrada” para empresas brasileiras nas nações do Golfo e no Oriente Médio.