Notícias

Equipe de robótica do SESI São Gonçalo de Sapucaí é premiada em evento estadual.

Equipe LEGO BROS participou nos dias 02 e 03 de abril da etapa Minas Gerais do Torneio SESI de Robótica.

A etapa Minas Gerais do Torneio de Robótica, realizada neste fim de semana, reuniu 280 competidores, de 36 equipes, que representaram 22 cidades mineiras A equipe Atombot, da Escola SESI São João del-Rei, foi a grande vencedora da etapa Minas Gerais do Torneio SESI de Robótica. O segundo lugar ficou com a Uai Sô, da Escola SESI Itaúna; seguida da Lego Bros MG, da Escola SESI São Gonçalo de Sapucaí. Os alunos foram desafiados a encontrar soluções para o transporte de cargas.

 

Os alunos Beatriz, Enrico, João Paulo, Julia, Lucas e Matheus criaram o dispositivo CDS (Cargo Displacement System) que monitora em tempo real a situação da carga dentro do caminhão baú fazendo uma comunicação direta com o motorista. Eles foram avaliados em quatro categorias: projeto de inovação, design mecânico, desempenho do robô e Core Values (que são os valores que permeiam a competição, como competição amigável e ganho mútuo)

 

“Estou muito orgulhosa da LEGO BROS MG. Eles demonstram maturidade, seriedade e persistência para resolver os problemas da temporada e agora colhem os frutos do lindo trabalho que fizeram. Teremos agora um mês intenso de preparação para apresentarmos no festival nacional. A sensação de dever cumprido foi atingida e o aprendizado de toda jornada ficará registrado em nossa memória. Agradecemos ao SESI MG, ao SESI de São Gonçalo do Sapucaí, aos pais, aos amigos, aos profissionais que foram fundamentais para a consolidação de nosso trabalho. Nosso muito obrigado e rumo ao nacional”, explicou a professora Rafaella Paiva, umas das técnicas da equipe.

 

Mais uma vez a equipe conquistou o 3º Champion’s Award e se classificou para o Festival Nacional de Robótica, que acontecerá em maio no parque Ibirapuera, no pavilhão da Bienal em São Paulo. Em maio, estarão presentes as equipes brasileiras que se classificaram em seus respectivos regionais. Orientados pelos técnicos Rafaella Paiva, Francisco Teófilo e o mentor Pedro Paulo, a equipe trabalhou duro para conquistar o prêmio. Planejamento, organização, trabalho em equipe e muita dedicação foram essenciais para atingir o resultado.

 

“O torneio é fundamental para que nossos alunos, que fazem aulas de robótica ao longo do ano, colocarem em prática todo esse conhecimento”, afirmou Flávio Roscoe “Temos equipes que disputam fora do país, que estão no topo do mundo. Entretanto, o mais importante é o conhecimento adquirido e o gosto pelas ciências exatas, que será aplicado, posteriormente, nas indústrias e no mercado de trabalho”, comentou Flávio Roscoe, presidente da FIEMG.

Galeria