Notícias

Sinduscon-Sul - Sindicato Intermunicipal das Indústrias da Construção do Sul de Minas, lança Projeto Recicla-Sul

Projeto visa o descarte correto de resíduos gerados pela construção civil

Os resíduos na construção civil podem gerar grandes impactos ambientais, afetando não só as empresas do setor, mas também a sociedade, o que torna fundamental a adoção de medidas e planos de gerenciamento que minimizem esses resíduos, orientando seu correto acondicionamento, coleta, armazenamento, transporte e disposição final. Pensando nisso, o Sinduscon-Sul criou o projeto Recicla-Sul.

 

O Projeto Recicla-Sul funcionará em consonância com as empresas autorizadas e parceiras do projeto, executando, para o contratante, serviços de coleta seletiva dos resíduos sólidos das empresas participantes conforme suas solicitações, assim como a destinação final. Os serviços serão prestados com exclusividade aos Associados Sinduscon-Sul. Os funcionários de todas as empresas participantes do projeto receberão treinamento antes da implementação do mesmo em suas obras.

 

Quando o descarte correto deixa de ser uma preocupação, os trabalhadores ficam expostos de diversas maneiras no canteiro de obras, com isso, o gerenciamento adequado dos resíduos garante mais segurança aos trabalhadores da obra.

 

Segundo informações da Abrecon (2017), cerca de 70% do lixo sólido oriundos da construção civil poderiam ser reciclados. Ou seja, cerca R$8 bilhões por ano são desperdiçados. Esses números indicam que as construtoras estão desperdiçando recursos financeiros com o lixo, quando poderiam reaproveitar materiais e gerar mais rentabilidade.

 

“É um momento de muita alegria para todos nós do Sinduscon-Sul o lançamento desse projeto com o qual estamos trabalhando há quase 3 anos. É um projeto extremamente importante pra nós da cadeia da construção civil. Por gerar muitos resíduos, nem sempre seu descarte é adequada e o projeto vem para isso, dar suporte para as empresas que quiserem aderir e destinar melhor os seus resíduos. É uma parceria da Prefeitura de Pouso Alegre junto com a FIEMG, Sinduscon e suas empresas”, pontuou o engenheiro civil Nakle Mohallem, presidente do Sinduscon-Sul.

 

Fazer com que a empresa esteja em conformidade e obtenha a certificação de regularidade perante aos órgãos públicos é um assunto sério e que merece total atenção do empresário. Caso ocorram falhas, a empresa pode sofrer com prejuízos financeiros gigantescos. O projeto visa resguardar as empresas de possíveis passivos e consegue, ainda, através do Sinduscon-Sul, capacitar todos os seus funcionários.

Junto ao lançamento do projeto, aconteceu também a premiação do ‘2º Prêmio de Boas Práticas em Segurança no Trabalho”, que teve como vencedoras, em primeiro lugar, a empresa DOMUS Engenharia e Construtora, representada pelo engenheiro Argeu Quintanilha de Carvalho Júnior e Gisele Carneiro, Técnica em Segurança no Trabalho. Em segundo lugar, foi premiada a empresa ARISTO Construtora, representada pelo técnico de segurança no trabalho David Guimarães.

 

“A importância dos dois motivos que nos reúne aqui hoje é fruto da gestão do ex-presidente do Sinduscon-Sul, Raul Delfino, que se concretiza agora com a nova gestão. A construção civil é algumas vezes tida com a grande vilã do descarte irregular de resíduos e o projeto Recicla Sul vem para atender uma demanda não apensa ambiental, mas também social. Vale ressaltar que o projeto também gera empregos com a reciclagem desses materiais”, explicou o engenheiro Argeu Quintanilha, ex-presidente do Sinduscon-Sul e atual Presidente do Conselho Deliberativo da entidade.

 

Em suma, o aproveitamento, reciclagem e até redução da produção de resíduos sólidos da construção civil é viável e contribui para o futuro sustentável do mundo. Aproveitar os resíduos na própria obra reduz gastos na compra de novos insumos, reduz o m³ de resíduos para transporte e recebimento em usinas e aterros, contribuindo para a produção de insumos mais baratos. Obras que separam, destinam e reciclam conseguem reduzir custos, garantir mais lucro e estar em conformidade com o plano de gerenciamento de resíduos.

Galeria