Notícias

Projeto de educação financeira do SESI Barbacena arrecada mais de R$ 2 mil

Valor foi revertido em doações a pessoas necessitadas da cidade

Uma atitude inovadora de um professor do SESI Barbacena resultou na arrecadação de uma quantia de mais de R$ 2 mil reais, que foi revertida em doações para pessoas necessitadas da cidade. O professor de Matemática da escola, Adriano Capilupe, após perceber a falta de consciência financeira de seus alunos, resolveu trabalhar o tema através de um projeto bem interessante. “Percebi que os alunos não possuíam uma consciência financeira satisfatória. Não tinham noção de preços justos de produtos, de poder de compra, o que é uma aplicação rentável, como gastar de forma correta, entre outros conhecimentos importantes para o cotidiano deles”, afirmou. 

O projeto foi desenvolvido com duas turmas do SESI. Divididos em quatro grupos, sendo dois por turma, a cada equipe foi dado um valor de R$ 20 em um envelope (total de R$ 80). A proposta aos alunos era de que, em um prazo de três semanas, eles conseguissem fazer o dinheiro render de acordo com a criatividade. Com isso, diversas estratégias foram utilizadas, como por exemplo a venda de doces e de rifas. 

Ao final do prazo estipulado, o valor total arrecadado pelas turmas foi de R$2.070,40. Segundo o professor, desde o princípio o objetivo do projeto seria a doação do dinheiro para as pessoas necessitadas e assim foi feito. O valor foi utilizado para comprar cestas básicas, fraldas e brinquedos para o projeto "Virtudes", que vem sendo trabalhado pelo SESI. Para Adriano, o projeto foi gratificante e ao mesmo tempo surpreendente, uma vez que seus alunos puderam trabalhar, além dos conceitos matemáticos, questões como a união, o que despertou neles vocações empreendedoras e também a consciência sobre a importância de ajudar o próximo.

De acordo com o gerente do SESI Barbacena, César Alexandre Nunes Ferreira, o projeto desenvolvido pelo professor Adriano contemplou conhecimentos de finanças, responsabilidade social, trabalho em equipe, além de desenvolver a cultura de empreendedorismo.  “Desta forma estamos contribuindo para formar um cidadão crítico, participativo e reflexivo. Parabéns a todos os envolvidos!”, disse.

 

Colaboração: Barbacena Online