Notícia

A tecnologia como aliada da educação profissional

Curso técnico em Mecânica do SENAI usa plataforma que entende a necessidade de cada estudante

O aprendizado personalizado está crescendo em todo mundo e permite entregar o conteúdo ideal para cada tipo de aluno e suprir as lacunas de aprendizagem. E, desde maio deste ano, o SENAI-MG passou a usar uma plataforma de estudo adaptativo que, pela primeira vez, está sendo aplicada na Educação Profissional por unidades do SENAI de todo o Brasil. Em Minas, 26 escolas aderiram ao estudo adaptativo para o curso Técnico de Mecânica, o que representa 79% das unidades, e a resposta entre os alunos tem sido muito positiva. 

“No estudo adaptativo, é o conteúdo que se molda à forma como o aluno aprende melhor. Com essa experiência autoinstrucional, o estudante progride nos estudos em seu próprio ritmo, entendendo como os conhecimentos são importantes para um trabalho profissional e utilizando-os no seu dia a dia”, explicou a analista de Projetos Educacionais do SENAI, Mariana Rodrigues.

O estudo adaptativo em Mecânica oferece conhecimentos teóricos de forma engajante e ao mesmo tempo com rigor científico e pedagógico, com ênfase num aprendizado profundo, durável e flexível. Por meio de vídeos, leituras e reflexões, o aluno experiencia a aprendizagem adaptativa buscando um melhor aproveitamento.

Jeferson Veloso, de 35 anos, aluno do quarto módulo do curso Técnico de Mecânica do SENAI Itajubá, aprovou a ferramenta. Segundo ele, a metodologia é o diferencial para um aprendizado duradouro. “Achei muito interessante, fácil de acessar e os conteúdos fáceis de entender. A plataforma tem uma linguagem clara e sem complicação. Uma das coisas que mais gostei são os exemplos que trazem o conteúdo para alguma situação do cotidiano, o que facilita o entendimento da matéria. Os exercícios são bastante completos e é possível retomar onde erramos para entender e ficar claro. Isso ajuda a gravar mais ainda o aprendizado”, reforçou.

O docente Lucas Welton Nobrega Pádua, da unidade SENAI de Itajubá, conta que as turmas iniciaram o uso da plataforma antes da pandemia, mas o processo foi interrompido e retomado com força total em 2021, proporcionando um processo de aprendizagem inovador e de sucesso. “A plataforma Acrobatic proporcionou uma visão melhor dos assuntos trabalhados em sala de aula, onde os alunos acessavam os conteúdos de maneira bastante dinâmica e interativa, além de terem a oportunidade de rever os assuntos já abordados na aula", contou Pádua.

Últimas notícias

  1. Entenda como a indústria gera desenvolvimento e empregos e chega até à mesa dos mineiros

    Leia

  2. SENAI-MG desenvolve curso de montagem e operação de impressoras 3D

    Leia

  3. Do ferro-velho para as salas de aulas

    Leia

  4. Atuação da FIEMG contribui para mudança de entendimento do TJMG sobre a inconstitucionalidade dos TAC's

    Leia

  5. Escola de Energia: SENAI e Energisa abrem 70 vagas para formação em TI

    Leia

  6. Cursos Técnicos do SENAI estão com matrículas abertas

    Leia

  7. Os desafios da sucessão patrimonial e familiar

    Leia

  8. FIEMG apoia o Junho Laranja

    Leia