Notícia

CIT SENAI participa de simpósio na Colômbia

A importância do monitoramento da qualidade da água foi o tema apresentado no evento

Centro de Inovação e Tecnologia (CIT SENAI) é uma referência quando se trata de estudos e pesquisas aplicadas voltados para o setor industrial. Por meio de seus oito institutos, o CIT SENAI oferece soluções nas áreas de desenvolvimento de produtos e processos, consultoria em processo produtivo e ensaios laboratoriais.

Dentre elas está a análise de águas e afluentes líquidos, realizada pelos Institutos de Tecnologia em Meio Ambiente e Tecnologia em Química. E, para apresentar esse trabalho, Zenilde das Graças Guimarães Viola, coordenadora de Laboratórios do CIT SENAI participou, nos dias 4 e 5 de novembro, do Simpósio de Metrologia METROCOL 2021, realizado na Colômbia. “Foi uma oportunidade para divulgar os serviços de metrologia que disponibilizamos, especialmente na área de meio ambiente”, afirma a Viola, pontuando que, na ocasião, pode conhecer o que outros países da América Latina têm desenvolvido e aplicado nas áreas de ensaios químicos, de qualidade do ar, alimentos e saúde.  

Viola apresentou no simpósio o tema "A  importância dos programas de monitoramento da qualidade da água na avaliação de acidentes ambientais e o papel das medições para mitigar os impactos negativos".  Segundo a pesquisadora, o monitoramento da qualidade das águas é um conjunto de práticas que visam o acompanhamento de determinadas características de um sistema. “Essas práticas incluem a coleta de dados e de amostras de água em locais específicos, feita em intervalos regulares de tempo, de modo a gerar informações que possam ser utilizadas para a definição das condições presentes de qualidade de água”, explica, reforçando que o monitoramento pode ser uma ferramenta estratégica que possibilita direcionar ações de promoção da segurança e gestão de oferta e demanda hídrica.  

Para a doutora em Química, Meio Ambiente e Ecologia, programas de monitoramento permitem acompanhar a evolução da qualidade da água e auxiliam no estabelecimento de um plano de controle após a ocorrência de acidentes ambientais. Desta maneira, é possível comparar a água antes e após o acidente e também, as melhorias alcançadas pelas ações de mitigação.  

“No caso de Minas Gerais, existe uma série histórica de dados desde 1997, cujas coletas e análises laboratoriais são realizadas pelo CIT SENAI com método confiável, garantia da qualidade e validade das medições, possuindo laboratórios certificados nos requisitos da norma ABNT NBR ISO/IEC 17025”, ressalta Viola.

Últimas notícias

  1. Especialistas em recursos hídricos visitam laboratórios do CIT SENAI

    Leia

  2. Minascon: estrutura de palitos aguenta 50kg e vence concurso 'A Ponte'

    Leia

  3. Parceria entre SENAI e Prefeitura de Bicas oferece curso de Qualificação em Costureiro Industrial

    Leia

  4. Centro 4.0: universitários visitam complexo de tecnologia da FIEMG

    Leia

  5. Uma oportunidade de conhecer quem prepara a melhor mão de obra do estado

    Leia

  6. Sindimalhas atua na qualificação da indústria têxtil mineira

    Leia

  7. Câmara da Indústria do Vestuário da FIEMG discute tendências do setor

    Leia

  8. Uma oportunidade de conhecer quem prepara a melhor mão de obra do estado

    Leia