Notícia

Presidente da ABIGRAF visita o SENAI CECOTEG

Objetivo do encontro foi conhecer os novos produtos e serviços oferecidos pela unidade

O SENAI Cecoteg recebeu, no dia 06/09, Luiz Carlos Dias Oliveira, presidente da Associação Brasileira da Indústria gráfica - Regional de Minas Gerais (ABIGRAF-MG) e do Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de Minas Gerais (SIGEMG). O objetivo do encontro foi buscar parcerias e apresentar ao líder empresarial os novos cursos oferecidos pela unidade, que tem seus produtos e serviços voltados para o setor.

“A indústria tem que estar próxima da escola, aqui se formam os melhores profissionais”, fala Luiz Carlos.

Jorge Peixoto, diretor da unidade, compartilha do mesmo pensamento: “É o momento de estarmos a cada dia que passa trabalhando mais a parceria com os sindicatos e as empresas. As escolas do SENAI estão formando novos profissionais para um novo mercado, para a indústria 4.0 que está vindo aí”, afirma.

Para atender a essa demanda, novos produtos estão sendo lançados, como os cursos de Design Digital, Qualificação em Desenvolvimento de Jogos e Design de Superfícies. A unidade está desenvolvendo também o primeiro Curso Técnico em Vestuário na modalidade EAD semipresencial. “Projetos como esse serão o futuro da indústria gráfica em Minas”, analisa Peixoto.

 

Vantagem competitiva

As escolas do SENAI  têm uma vantagem competitiva ao unir, em modalidades como o Técnico e a Aprendizagem Industrial, a teoria com a prática. Muitos estudantes universitários complementam seus estudos com os cursos do SENAI. É o caso de Bruno Soares Guimarães, de 21 anos, que faz curso superior em Design Gráfico à noite, mas durante o dia assiste às aulas de Aprendizagem em Acabamento Gráfico no CECOTEG. “Optei por fazer Aprendizagem Industrial no SENAI justamente para compensar a falta de conhecimento que eu tinha na área de software. A universidade fornece boa estrutura teórica, mas senti que faltava a parte prática da coisa”, afirma.

Bruno conta também que muitos alunos que fazem um curso no SENAI e depois vão para a faculdade têm um desempenho melhor na graduação. “Muita gente que estudou aqui se dá muito bem na universidade, em função da estrutura que o SENAI oferece. Além disso, estudantes de períodos avançados indicam a instituição, porque já têm uma referência. Os cursos agregam em diversos fatores”, pontua.

“Nós precisamos efetivamente de uma indústria mais pujante diversificada. E uma escola como o CECOTEG que engloba produção, design e criatividade é bastante estratégica, porque vem para dar um norte ao mercado, preparando uma nova indústria para o futuro”, conclui Luiz Carlos Dias Oliveira.

 

Galeria

Últimas notícias

  1. SENAI MG forma turma de Aprendizagem Industrial em Processamento de Carne

    Leia

  2. Empreendedorismo para a indústria

    Leia

  3. Santa Luzia recebe 1ª Feira de Empreendedorismo

    Leia

  4. Empresa de Pompéu participa de consultoria de manufatura enxuta do FIEMG Competitiva

    Leia

  5. Curso do SENAI profissionaliza detentas para atuar no mercado de confecção

    Leia

  6. Lab Truck do SENAI fez a maior turnê maker do Brasil

    Leia

  7. Curso de qualificação semiprensencial em Eletricista Industrial está com inscrições abertas

    Leia

  8. Minas Gerais recebe a segunda etapa das seletivas para a 45° WorldSkills

    Leia