Notícias

Uma paixão nacional que faz bem para a saúde

O café é a segunda bebida mais consumida entre os brasileiros

Você sabia que o café está presente em 98% dos lares brasileiros sendo a bebida mais consumida depois da água? A afirmação faz parte de pesquisa encomendada por uma das maiores indústrias de café do mundo e o levantamento ainda aponta que o brasileiro consome, em média, 3 a 4 xícaras da bebida por dia. E o café traz muitos benefícios para a saúde, pois é antioxidante, pode auxiliar no controle da pressão, do colesterol e atividade anticancerígena.

“Paixão nacional, o cafezinho tem destaque no café da manhã e segue acompanhando o dia a dia das pessoas, no trabalho e nos lanches. A cafeína estimula o sistema nervoso, ajuda na liberação de serotonina, que pode auxiliar a pessoa a ficar acordada, além de vários outros benefícios já comprovados pela ciência”, explicou Daniele Martins, nutricionista e analista da Gerência de Segurança e Saúde para a Indústria do SESI.

E não é só na saúde que o café proporciona aquele upgrade. A bebida é fortemente associada à memória afetiva e pode ser considerada reconfortante. “Um dos maiores benefícios do café, além de ser um alimento tipicamente relacionado à cultura brasileira, é que ele proporciona momentos preciosos, como as refeições compartilhadas, onde se cultiva e fortalece laços entre as pessoas que se gostam”, lembrou Daniele.

Equilíbrio é a melhor pedida

A chave para o aproveitamento dos benefícios do café está na quantidade e nas características do consumidor, uma vez que o consumo excessivo da bebida pode levar à insônia, taquicardia ou hiperatividade. “Recomenda-se um consumo moderado de até três xícaras de café por dia para trazer benefícios para a saúde”, ressalta a nutricionista do SESI, que ainda orienta evitar o consumo próximo a hora de dormir e que pessoas com úlcera ou gastrite devem procurar orientação médica e nutricional para avaliar o consumo.

E o café pode ser aproveitado em diversas formas, além da tradicional xícara. “É um alimento versátil, que pode ser utilizado em preparações como bolos, tortas e biscoitos”. E para aproveitar ainda mais o sabor marcante da bebida, a dica é diminuir a quantidade de açúcar na hora do consumo. “Tente reduzir gradativamente, assim você reduz a quantidade de calorias ingeridas durante o dia. O segredo para uma boa saúde é consumir qualquer alimento com moderação”, reforça.

Dia Mundial do Café

Em 14 de abril a indústria cafeeira mundial celebra a segunda bebida mais consumida do mundo, perdendo apenas para a água. O café foi para o Brasil e ainda é para várias de suas regiões produtoras a força propulsora do desenvolvimento socioeconômico, produzindo e distribuindo riquezas, além de ter uma grande capacidade geradora de empregos. Mais forte, mais suave, instantâneo, expresso, orgânico, descafeinado ou gourmet. O café é praticamente uma unanimidade.

E você já tomou seu café hoje? Sem açúcar ou adoçante você vai apreciar ainda mais essa bebida. Depois que você se acostumar, com certeza não vai mais tomar café do mesmo jeito. 

Leia também

Inovação e tecnologia para agregar valor ao grão

A industrialização como fortalecimento e expansão dos negócios de produtores de café

Café: a indústria que movimenta a economia, a história e o coração dos mineiros

Sabor que leva Minas mundo afora

Por Flávia Carolina Costa

Últimas notícias

  1. Escolas de Esportes SESI retomam suas atividades

    Leia

  2. Equipe de São João del-Rei vence Torneio SESI de Robótica FFL

    Leia

  3. SESI Cultura promove cursos on-line

    Leia

  4. SESI Andradas retorna com aulas da Escola de Esportes

    Leia

  5. Minas Gerais promove mais uma edição do Torneio SESI de Robótica FLL

    Leia

  6. SESI SST JF promove ações sobre saúde auditiva na empresa Paraibuna Embalagens

    Leia

  7. Começa o Torneio SESI de Robótica FLL - Regional MG

    Leia

  8. Impressões bordadas: O Ciclo das Cigarras

    Leia