Música

Flauta Doce

Flauta Doce

Cidade

Belo Horizonte

Carga Horária

1h por semana

Valor do Curso

R$ 250,00 mensais


Informações do curso

inscrevase.png

O curso de Flauta Doce traz ao aluno a oportunidade de despertar e ampliar sua percepção musical. Pelo curso, o aluno tem subsídios para atuar no cenário artístico.

Formato: Presencial 

Acompanhe o conteúdo previsto para o curso: Teoria e percepção; formação musical; prática de conjunto e prática do instrumento.

 

Professor: Fabiano Zan

Pré-requisito: ter idade mínima de 9 anos

Alunos por turma: máximo de 4 alunos

Dias e horários: 

Terça feira - 08h às 11h | 17h às 18h

Quarta feira - 08h às 12h

Sexta feira - 08h às 12h | 14h às 17h

Matrícula: original e cópia do CPF, Identidade e comprovante de endereço

Valores: R$250,00

Forma de pagamentovia boleto bancário, cartão de débito e crédito

  

Contato
☎ (31) 3241-7177| (31) 3241-7175 
WhatsApp_icon-icons-com_66798.png (31) 98791-5676 | (31) 98634-4182 


✉ sesiculturamg@fiemg.com.br

Endereço: Rua Álvares Maciel, 59 - Santa Efigênia - Belo Horizonte

inscrevase.png

  

CURRÍCULO RESUMIDO

Fabiano Zan

Natural de São Paulo, iniciou seu aprendizado musical aos oito anos no Conservatório Musical Souza Lima, em São Paulo. Lá teve aula de iniciação musical e teclado, durante três anos, com os professores Antônio Mário da Silva Cunha e Lilian Rosa, se destacando como o melhor aluno entre os garotos de sua idade.

Recebeu vários diplomas de mérito e a medalha de melhor aluno.

Aos 18 anos, já em Belo Horizonte, começou os estudos de saxofone com o professor e concertista internacional Dilson Florêncio (1º prêmio do Conservatoire National Supérieur de Musique de Paris), com o qual concluiu o curso de graduação em saxofone pela Universidade Federal de Minas Gerais.

Participou de workshops especializados com músicos como David Richards, Bob Mintzer, Vinícius Dorim, Ademir Júnior e outros.

Vencedor do concurso “Jovens Solistas” da Orquestra Sinfônica da UFMG, em 1997 e 1998.

Vencedor do concurso “Jovem Músico”, promovido pelo BDMG Cultural, em junho de 2000.

Semifinalista do 3º Prêmio de Música Weril, em São Paulo, específico de instrumentistas de sopro.

Semifinalista do 10º Prêmio Internacional de Música Eldorado, em São Paulo.

Participou do 24º Curso Internacional de Verão de Brasília.

Participou do Festival Tudo é Jazz 2008, com a sua banda Acid Minera, que venceu o concurso de novos talentos de jazz.

Participou do festival Tudo é Jazz 2009, junto ao violista Fernando Sodré.

É integrante da banda do humorista mineiro Saulo Laranjeira.

Foi professor de saxofone da Banda Municipal Sarzedense (Sarzedo-MG), de maio de 2011 a dezembro de 2012.

Foi  professor de saxofone no CEFAR (Palácio das Artes) no período de 2012 a 2016.Atualmente professor de saxofone e flauta transversal na escola de música Canal 100 e na escola de música Ensinart.

Em 2014 fundou a banda de Acid Jazz Conecto, projeto do qual visa fundir o jazz a ritmos dançantes, onde músicas autorais e algumas releituras, predominando “grooves” animados e dançantes em seu repertório, crie proximidade e interação com o público. Vem participando de workshops e diversos eventos musicais.

Além do erudito, ao longo do tempo o músico sempre atuou e atua com projetos de música popular brasileira, instrumental e jazz. Já tocou com vários intérpretes brasileiros e realizou inúmeros shows, país afora.